PUBLICIDADE
Topo

Cruzeiro

Cruzeiro prejudicado? Conceição diz que bola do pênalti 'bateu no sovaco'

Do UOL, em Belo Horionte

09/05/2021 19h15

Classificação e Jogos

Apesar das duas derrotas para o América-MG nos confrontos das semifinais do Campeonato Mineiro (2 a 1 e 3 a 1), que acabaram eliminando o Cruzeiro da competição, o técnico Felipe Conceição aproveitou a entrevista coletiva após o duelo deste domingo (9), realizado na Arena Independência, para criticar a arbitragem.

Durante a sua fala, ainda no estádio do adversário, o técnico da Raposa criticou bastante o desempenho de Felipe Fernandes de Lima e seus auxiliares; sobrou até para o árbitro de vídeo, o mineiro Emerson de Almeida Ferreira. A bronca maior do comandante da equipe celeste foi na marcação do pênalti do zagueiro Ramon, que, na visão do 'dono do apito' e aval do VAR, observou toque no braço dentro da área.

"Vale a pena reclamar de arbitragem? Tem gente que reclama e se vê que dá resultado. Parece mais importante ter comportamento incorreto à beira de campo em vez de ser disciplinado. Enfim, o segundo pênalti bateu no sovaco, não sei se é pênalti. É outra pergunta que faço", destacou Conceição.

"O adversário construiu muitas jogadas, muitas delas pelo juiz; o último gol foi com falta. (...) Jogo de chances para os dois lados, precisávamos dois gols de diferença. E o desequilíbrio foi a arbitragem, arrastou a partida no ritmo que o América gostaria", finalizou.

O Cruzeiro só volta a campo em 28 ou 29 de maio, quando estreia na Série B do Campeonato Brasileiro. A equipe encara o Confiança, em Sergipe.

Cruzeiro