PUBLICIDADE
Topo

São Paulo

Dani Alves explica Miranda como capitão do SPFC: 'Tempo de clube'

Daniel Alves conversou com seus seguidores na noite de sábado - Reprodução
Daniel Alves conversou com seus seguidores na noite de sábado Imagem: Reprodução

O craque Daniel Alves abriu a caixa de perguntas no Instagram para interagir com fãs e torcedores na noite de sábado, e em uma das perguntas, explicou porque passou a braçadeira de capitão do São Paulo para Miranda, que retornou ao Tricolor nesta temporada.

"Na Europa existe o respeito de tempo de clube dos atletas, e como ele tem mais tempo de clube que eu, decidi respeitar isso. Assim como faço com o Herna. No final das contas, os grandes líderes não precisam de um bracelete e sim de boas atitudes!", comentou.

Daniel também respondeu a perguntas sobre seu futuro após a aposentadoria do futebol. "Pretende virar treinador", questionou um seguidor. "Não creio, vou ser musico!", respondeu o lateral.

O jogador de 38 anos deixou o campo após o empate do São Paulo contra o Racing, em Buenos Aires, pela Libertadores, com um estiramento na perna direita, e será desfalque do São Paulo contra o Mirassol, pelo Campeonato Paulista. O Tricolor vai a campo amanhã às 16h, no Estádio Campos Maia.

Errata: o texto foi atualizado
No comentário, Dani Alves se referia a Hernanes, e não a Hernán Crespo. A informação foi corrigida.

São Paulo