PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Modelo que invadiu final da Champions diz que não estava pronta para fama

Invasora da final da Champions de 2019, Kinsey Wolanski - Sergio Perez/Reuters
Invasora da final da Champions de 2019, Kinsey Wolanski Imagem: Sergio Perez/Reuters

Colaboração para o UOL, em São Paulo

22/04/2021 15h42

Classificação e Jogos

A influenciadora digital, Kinsey Wolanski, que invadiu a final da Liga dos Campeões 2018/19 de biquíni, disse ao jornal britânico Daily Star que não estava preparada para a fama que veio depois.

"Depois que fui libertada da prisão, passei de 300 mil seguidores no Instagram para mais de dois milhões. Você não pode comprar esse tipo de publicidade. De repente, eu era famosa em todo o mundo e recebi muitas ofertas de emprego. Não acho que fiz mal a ninguém, foi só um pouco de diversão", comentou.

Wolanski ganhou as manchetes depois de correr pelo campo do Wanda Metropolitano, em Madri, vestindo um maiô preto. Na época, Kinsey tinha apenas 22 anos e, desde então, criou uma marca de moda praia de sucesso.

"Estou muito grata por essa experiência, pois minhas mídias cresceram e agora tenho que compartilhar e me conectar com um público mais amplo em todo o mundo", concluiu.

A partida terminou com a vitória do Liverpool por 2 a 0 sobre o Tottenham. Com isso, os Reds conquistaram seu sexto título da Champions.

Futebol