PUBLICIDADE
Topo

Futebol

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Arnaldo Ribeiro: Crespo mostra conhecimento melhor do elenco do São Paulo

Do UOL, em São Paulo

16/04/2021 17h55

O São Paulo tem a melhor campanha do Campeonato Paulista até o momento e chega para seu segundo clássico sob o comando do técnico argentino Hernán Crespo ao encarar o Palmeiras hoje no Allianz Parque. Na última quarta-feira (16), o time animou os torcedores ao vencer com uma escalação alternativa o Guarani, no quinto triunfo em sete jogos disputados na temporada.

No podcast Posse de Bola #117, Arnaldo Ribeiro afirma que a temporada se inicia na prática para o São Paulo a partir da próxima semana, quando estreia na Libertadores diante do Sporting Cristal, do Peru, mas que a primeira impressão do trabalho de Crespo é positiva e o treinador tem mostrado que aproveitou bem o período sem jogos para conhecer as opções que tem no elenco.

"A escolha do Crespo foi boa por todo o perfil do Crespo, o que ele entende por futebol, o sistema de jogo que ele adota, que é muito palatável para o torcedor do São Paulo, com três zagueiros, o relacionamento dele com os atletas, o relacionamento dele com a imprensa, com o todo, o que faz com que ele, por exemplo, diferentemente do Abel Ferreira, que fica na beira do campo, dando chiliques, faz com que ele ganhe simpatizantes não só entre os são-paulinos, mas com todos os brasileiros, digamos assim. De fato o time dele já fez boas exibições mesmo que ainda não tenha sido testado", diz Arnaldo.

"A temporada não começa contra o Palmeiras, nem contra o Santos ou Bragantino, ela começa na Libertadores, que é o torneio mais importante e que desta vez vai ter uma confluência de datas que nunca existiu, com a reta final do campeonato estadual. Resumindo, a reta final do campeonato estadual, quartas de final, semifinal e finais, vão encavalar com a fase de grupos da Libertadores por conta de o início do Brasileiro estar marcado para o dia 29 de maio. Para os outros paulistas que estão disputando o torneio, o Santos e o Palmeiras, o Paulista não significa muita coisa, para o São Paulo significa, porque o time não ganha nada faz muito tempo", completa.

O jornalista afirma que as alternativas adotadas na vitória diante do Guarani mostraram que Crespo tem entre as diferenças para o antecessor Fernando Diniz a questão de variar o time e dar mais oportunidades a diferentes jogadores, encontrando opções dentro do próprio elenco com atletas que até então não eram vistos na equipe principal, como é o caso de Galeano.

"O jogo contra Guarani, se você for pensar, a vitória por 3 a 2 com os garotos, a base de garotos de Cotia e a volta do Miranda, ela empolgou mais do que até as outras partidas, porque ela propiciou outras alternativas, outros jogadores e o Crespo tem várias diferenças em relação ao Fernando Diniz, talvez a principal delas seja rodar o elenco, dar oportunidades a outros jogadores, pensar em outras soluções, descobriu outras soluções em pouco tempo", diz Arnaldo.

"O Crespo, em pouco tempo, diferentemente do Abel, que foi para Portugal e não treinou o time por três semanas na parada do Campeonato Paulista, o Crespo se utilizou e se aproveitou bem das três semanas de treinamentos, ele mostra ter um conhecimento maior sobre o elenco do São Paulo para a largada de uma temporada desafiadora e, além de treinar bem o time por três semanas e descobrir soluções, encontrar soluções, ele aproveitou para fazer 'intensivão' de português, você percebe que o cara está mergulhado na realidade do São Paulo, que é a carência de títulos e de futebol que essa torcida que é imensa tem há tanto tempo", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter).

A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts. Você pode ouvir, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e Youtube --neste último, também em vídeo. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Futebol