PUBLICIDADE
Topo

Corinthians

Mancini vai promover rodízio no Corinthians; veja quem pode ganhar espaço

Da esquerda para a direta, Antony, Biro, Adson e Araos durante treino do Corinthians  - Rodrigo Coca/ Ag. Corinthians
Da esquerda para a direta, Antony, Biro, Adson e Araos durante treino do Corinthians Imagem: Rodrigo Coca/ Ag. Corinthians

Arthur Sandes e Yago Rudá

Do UOL, em São Paulo

15/04/2021 04h00

Classificação e Jogos

Em entrevista na última terça-feira (13), Vagner Mancini explicou que pretende rodar o elenco do Corinthians para preservar os atletas e dar oportunidade aos garotos promovidos da base. Focado na Sul-Americana e preocupado com o desgaste físico do grupo, o treinador seguirá testando novas formações e, consequentemente, novos nomes aparecerão em campo durante a maratona que a equipe terá pela frente.

Nesta temporada, o Corinthians realizou nove partidas. Desconsiderando os atletas que estão entregues ao departamento médico desde antes do início do Paulistão (Danilo Avelar, Gustavo Mantuan e Ruan Oliveira), quase todo o elenco ganhou uma oportunidade. Quatro nomes ainda não jogaram. São eles: o atacante Felipe Augusto, o lateral Guilherme Biro, o meia Matheus Araújo e o zagueiro Léo Santos.

Ainda há os casos dos goleiros Guilherme Vicentini e Caíque França que não entraram em campo, mas como o titular Cássio não costuma ser poupado e Matheus Donelli foi bem nas oportunidades que teve, dificilmente a dupla será utilizada nos próximos jogos. Abaixo, a lista de quem menos jogou até aqui e deve ganhar espaço nos próximos jogos do Paulistão.

Os próximos dias prometem ser agitados no CT Joaquim Grava, O Corinthians joga amanhã (16), contra o São Bento, na Neo Química Arena. Dois dias depois, também em Itaquera, o adversário será o Ituano. Na quinta (22), a delegação estará no Paraguai para enfrentar o River Plate pela estreia na Copa Sul-Americana. Ainda há a possibilidade de também entrar em campo na terça (20), pelo Campeonato Paulista.

Com tantos jogos em tão pouco tempo, a comissão técnica praticamente não terá tempo para treinar no CT Joaquim Grava. Por isso, o planejamento é utilizar escalações intercaladas, focando nos jogos internacionais, para conseguir descansar os jogadores. Com um elenco enxuto e ainda sem nem um reforço sequer, Mancini não terá muitas escolhas. A situação complexa acaba virando uma oportunidade para quem pouco jogou nesta temporada.

Corinthians