PUBLICIDADE
Topo

Liga dos Campeões - 2020/2021

City vence Dortmund, avança e enfrenta PSG na semifinal da Champions

Foden comemora o segundo gol do Manchester City sobre o Borussia Dortmund - REUTERS/Wolfgang Rattay
Foden comemora o segundo gol do Manchester City sobre o Borussia Dortmund Imagem: REUTERS/Wolfgang Rattay

Colaboração para o UOL, em São Paulo

14/04/2021 17h52

Classificação e Jogos

O Manchester City está na semifinal da Liga dos Campeões pela segunda vez em sua história. Com gols de Mahrez e Foden, o time comandado por Pep Guardiola venceu o Borussia Dortmund hoje por 2 a 1, na Alemanha, e confirmou a classificação. Bellingham descontou para os alemães. Os ingleses já estavam com a vantagem após vencerem o jogo de ida pelo mesmo placar.

Destaque do Dortmund na temporada, o norueguês Erling Braut Haaland não brilhou e pouco apareceu diante dos ingleses. O brasileiro Gabriel Jesus, do City, ficou entre os reservas e não entrou na partida.

Agora, a equipe de Guardiola vai enfrentar o Paris Saint-Germain, de Neymar e Mbappé, na próxima fase da Champions. O primeiro jogo da semifinal será no dia 27. O horário da partida ainda não está definido.

Esta será a primeira semi de Liga dos Campeões de Pep Guardiola no comando do Manchester City. O treinador espanhol amargou uma sequência de eliminações em fases anteriores desde que assinou com o clube inglês, em 2016. Já o City chega pela segunda vez na história entre os quatro melhores da competição. A última vez foi na temporada 2015-16, quando os ingleses foram eliminados pelo Real Madrid.

O jogo

O Dortmund aproveitou o fato de jogar em casa e conseguiu abrir o placar logo no começo do jogo. Aos 14 minutos, Dahoud teve o seu chute bloqueado e a bola sobrou para Bellingham, que ajeitou e bateu colocado. Ederson ainda conseguiu encostar na bola, mas não teve jeito e ela estufou as redes.

Logo após o gol, o Borussia pressionou o City com outras duas chegadas perigosas ao ataque, uma com Reus e outra com Akanji.

Depois da pressão alemã, foi a vez dos ingleses. Aos 24, De Bruyne roubou a bola de Morey, dentro da área, e acertou um belo chute no travessão. Bernardo Silva aproveitou o rebote, mas o cabeceio foi para fora.

A equipe de Pep Guardiola sentiu a necessidade de igualar o placar para não ser eliminada na competição e passou a construir um jogo de ataque contra defesa. Foram cinco finalizações em 15 minutos.

A segunda etapa da partida começou com o Manchester pressionando bastante a defesa adversária. Logo aos 6 minutos, Can tocou com a cabeça e o braço na bola dentro da área e o árbitro marcou a penalidade. Mahrez bateu muito forte, no alto e no canto esquerdo do goleiro, sem chances para Hitz defender.

Após o empate do City, a partida ficou mais equilibrada e as duas equipes estavam buscando aplicar o marcador.

Depois de uma bela jogada ensaiada do Manchester de escanteio, aos 29. Foden recebeu na entrada da área e chutou forte no canto. Hitz até chegou a tocar na bola, mas não conseguiu impedir o gol.

A equipe inglesa perdeu uma boa chance de ampliar o placar. Aos 41, Foden recebeu com muito espaço, mas errou o tempo do passe para Mahrez, que acabou ficando sem espaço para finalizar.

O Manchester City volta a campo no próximo sábado, 17, às 13h30 (de Brasília), contra o Chelsea, pela semifinal da Copa do Inglaterra. O Borussia Dortmund joga no domingo, 18, contra o Werder Bremen, às 10h30 (de Brasília), pela 29ª rodada do Campeonato Alemão.

UOL Esporte explica: Messi ou Luiz Adriano?

O argentino Lionel Messi é um dos maiores jogadores do planeta, divide com Cristiano Ronaldo a maioria dos recordes da Liga dos Campeões e tem gente até que o coloca ao lado de Pelé e Maradona. Mas sabia que existe um recorde da Champions em que Luiz Adriano, hoje no Palmeiras, supera o argentino?

No UOL Esporte Explica, Domitila Becker explica, semanalmente, uma lenda da Champions League. Confira os outros aqui.