PUBLICIDADE
Topo

Fluminense

Flu acerta salários com Cazares, e meia será reforço para Libertadores

Cazares acertou salários com o Fluminense e será reforço no mercado da bola para a Libertadores - Marcello Zambrana/AGIF
Cazares acertou salários com o Fluminense e será reforço no mercado da bola para a Libertadores Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

Caio Blois, Thiago Fernandes e Yago Rudá

Do UOL, no Rio de Janeiro e em São Paulo

12/04/2021 18h53

Em reunião na tarde desta segunda (12), o Fluminense acertou o que faltava com o meia Juani Cazares, do Corinthians. O equatoriano de 29 anos aceitou proposta salarial do Tricolor e será reforço no mercado da bola para a Libertadores.

A diretoria do Flu se reuniu com agentes do jogador e apresentou números que agradaram ao atleta, conforme publicado pelo Saudações Tricolores e confirmado pelo UOL Esporte. Os empresários ofereceram Cazares para clubes do Qatar e dos Emirados Árabes, mas não houve propostas oficiais pelo equatoriano, que tampouco interessa ao Corinthians, detentor de seus direitos econômicos.

Em São Paulo, Cazares recebia R$ 370 mil por mês, e chegou a acertar uma renovação, que custaria R$ 500 mil mensais em um contrato de três anos. O jogador desejava ao menos R$ 6 milhões anuais para seguir no Brasil, mas aceitou menos para jogar a Libertadores pelo clube das Laranjeiras.

O acerto com o Flu, agora, depende apenas da liberação pelo clube paulista, que não deve criar empecilhos para a liberação antes do fim do vínculo por conta da economia em salários. O meio-campista participou do treino de hoje (12) no CT Joaquim Grava e estava nos planos da comissão técnica do Corinthians para o jogo contra a Ferroviária, amanhã (13), em Araraquara.

No entanto, com a agilidade da negociação, o próprio atleta ficou sabendo do acerto com o Fluminense no fim da tarde e foi cortado da viagem para poder se despedir de seus companheiros e acertar os detalhes da ida ao Rio de Janeiro. O contrado do equatoriano com o Tricolor será até dezembro de 2022.

O time do Parque São Jorge desistiu de renovar com Cazares por conta de problemas extracampo. Com um necessário corte de gastos no clube paulista, a diretoria decidiu por não concluir o acordo com o equatoriano, que não vinha sendo aproveitado por Vágner Mancini por estar acima do peso e não se dedicar tanto nos treinamentos.

O Corinthians também não deve manter o venezuelano Otero e o zagueiro Jemerson, que estão na mesma situação contratual. Com passagens por Atlético-MG e Corinthians no Brasil, Cazares chega ao Fluminense aos 29 anos após mais uma temporada marcada por altos e baixos e problemas relacionados à indisciplina.

No Galo, o equatoriano foi comandado pelo técnico Roger Machado, que acredita ser capaz de fazer o jogador voltar aos seus melhores momentos no Tricolor em 2021. O meia fará parte de um "pacotão" com o atacante paraguaio Raúl Bobadilla e os zagueiros Manoel e David Braz, também aguardados no Rio de Janeiro nesta semana.

Fluminense