PUBLICIDADE
Topo

Francês - 2020/2021

PSG goleia Strasbourg e se reaproxima do Lille no Francês; Navas preocupa

Artilheiro do Campeonato Francês, Mbappé comemora gol marcado contra o Strasbourg - Marcio Machado/Getty Images
Artilheiro do Campeonato Francês, Mbappé comemora gol marcado contra o Strasbourg Imagem: Marcio Machado/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

10/04/2021 13h49

Classificação e Jogos

Após a emocionante vitória contra o Bayern de Munique na Liga dos Campeões, o PSG retomou o foco no Campeonato Francês e venceu, sem Neymar e em duelo fora de casa, o Strasbourg por 4 a 1.

A única preocupação dos visitantes ficou em torno do goleiro Navas, que foi substituído com dores dias antes do jogo de volta contra os alemães.

Com o resultado, a equipe treinada por Mauricio Pochettino chegou aos 66 pontos na tabela e se reaproximou do líder Lille, que tem 69. O Strasbourg, por outro lado, está na 14ª colocação.

Susto? Só no começo

O jogo começou com o PSG tomando sufoco: aos 5 minutos, o meia Thomasson acertou a trave de Navas em um chute na entrada da área.

Pouco depois, no entanto, o time visitante assumiu o controle do jogo e abriu o placar aos 16 minutos. Artilheiro do torneio, Mbappé recebeu na esquerda, driblou em velocidade o adversário e balançou as redes de Sels.

O segundo gol saiu aos 27 minutos com Sarabia. O argentino finalizou forte de média distância após passe de Danilo Pereira e ampliou o placar. Ainda no 1° tempo, veio o terceiro: o atacante Kean aproveitou boa jogada de Mbappé e concluiu para o gol adversário.

2° tempo sem Navas

No intervalo, Pochettino tirou o goleiro Navas da partida para a entrada de Sergio Rico. Segundo a RMC Sport, a substituição foi feita após o goleiro titular alegar dores musculares - na terça-feira, o PSG encara o Bayern de Munique no jogo da volta das quartas de final da Liga dos Campeões.

Após um morno início de etapa final, foi a vez do Strasbourg balançar as redes. Aos 18 minutos, Bellegarde foi lançado pelo lado do campo e cruzou rasteiro para Sahi, que finalizou de primeira para diminuir a vantagem: 3 a 1.

Ainda teve tempo para Paredes marcar um golaço já nos minutos finais do confronto. Em cobrança de falta no centro da entrada da área, o argentino colocou a bola no ângulo de Sels e fechou o placar.