PUBLICIDADE
Topo

Supercopa do Brasil - 2021

ANÁLISE

Texto baseado no relato de acontecimentos, mas contextualizado a partir do conhecimento do jornalista sobre o tema; pode incluir interpretações do jornalista sobre os fatos.

O Palmeiras pode encarar o Fla de igual para igual? Mauro Cezar analisa

Do UOL, em São Paulo

10/04/2021 04h00

Classificação e Jogos

Após atuação pouco convincente na vitória por 2 a 1 contra o Defensa y Justicia, pela Recopa Sul-Americana, o Palmeiras deixou uma dúvida no ar: dá para enfrentar o Flamengo, domingo (11), com esse futebol?

O assunto foi discutido na última edição do "Fala, Maurão", do colunista do UOL Mauro Cezar Pereira. Assista à análise completa a partir do minuto 4:12.

"Se o Palmeiras tiver uma boa estrutura defensiva nesse jogo, aproveitando os espaços que o Flamengo dará, se aproveitar uma ou duas dessas oportunidades e a defesa sustentar, pode até derrotar o Flamengo. Mas jogar de igual pra igual, enfrentar, disputar a posse de bola, igualar o jogo, é muito pouco provável que isso aconteça", analisou Mauro.

"A proposta do técnico Abel Ferreira não é essa. Nesse retorno do treinador após um período em Portugal, ficou mais claro que a proposta do Palmeiras em 2021 será basicamente um jogo reativo. Usar a velocidade, esperar o adversário e, quando conseguir a vantagem, se fechar. Não muito diferente do que fazia Felipão, Cuca e Mano Menezes em outros momentos. É a mesma escola, só que com um selo internacional", acrescentou.

Flamengo e Palmeiras se enfrentam a partir das 11h (horário de Brasília), no Estádio Mané Garrincha, em Brasília.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL