PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Neymar é decisivo e foge do amarelo em jogo com poucos passes e só 1 drible

Neuer defende chute de Neymar na melhor oportunidade do brasileiro na partida Bayern x PSG - Sven Hoppe/picture alliance via Getty Images
Neuer defende chute de Neymar na melhor oportunidade do brasileiro na partida Bayern x PSG Imagem: Sven Hoppe/picture alliance via Getty Images

João Henrique Marques

Colaboração para o UOL, em Paris (FRA)

08/04/2021 04h00

Classificação e Jogos

Mesmo sem jogadas plásticas, Neymar foi decisivo com duas assistências na vitória do Paris Saint-Germain por 3 a 2 contra o Bayern de Munique, ontem, na Alemanha, no jogo de ida das quartas de final da Liga dos Campeões. O camisa 10 mudou o estilo de jogo para escapar do cartão amarelo por entrar em campo pendurado, e, assim, garantiu a presença no jogo decisivo no Parque dos Príncipes, na próxima terça-feira (13).

Em jogo que o PSG foi encurralado pelo adversário, Neymar realizou apenas um drible, a pior marca pessoal na atual edição da Liga dos Campeões, e deu 23 passes, também o menor número no quesito.

Os poucos toques na bola de Neymar geralmente foram passes de primeira, como o cruzamento da intermediária com o pé esquerdo (Neymar é destro) para o gol de Marquinhos. Já o passe para o primeiro dos dois gols de Mbappé foi em jogada em que conduziu a bola pelo meio do ataque.

Neymar jogou calado, depois de ter sido expulso pelo Campeonato Francês, no último fim de semana — fato que o rendeu suspensão de três jogos. Nada de discutir com o árbitro ao receber faltas. Nem mesmo em uma entrada dura de Boateng, que terminou em cartão amarelo para o zagueiro alemão.

No aspecto defensivo, o brasileiro procurou apenas preencher os espaços na primeira linha e foi pouco combativo. Ele não teve nenhum desarme, e também não realizou nenhuma falta.

O dado negativo para Neymar na partida foi o gol perdido em sua única finalização. Na jogada em que apareceu frente a frente com o goleiro Neuer, o brasileiro tentou uma 'cavadinha', mas chutou fraco.

Para o jornal francês Le Parisien, Mbappé foi o melhor jogador em campo com a nota 8. Já Neymar veio logo depois, com atuação de nota 7. "Soube aproveitar os espaços deixados pelo Bayern com inteligência. Foi calmo em campo, sem sequer passar perto do cartão", argumentou a publicação.

#Neyday empolgou jogador

A hashtag #NeyDay apareceu no Twitter como o assunto mais comentado da rede social no Brasil horas antes do jogo do PSG. O fato empolgou Neymar, que usou a rede social para fazer um post sobre a importância do jogo. "As pessoas não entendem o quão obcecado eu sou em vencer", publicou o jogador a frase que está tatuada em sua perna.

O NeyDay trata-se de um movimento, criado no ano passado, para valorizar o jogador brasileiro na fase decisiva da Liga dos Campeões. A iniciativa reúne fãs que se seguem na rede social, usam a foto do atleta e se manifestam em defesa do craque. A assessoria de imprensa de Neymar também publicou reportagem noticiando o movimento.

Após a partida, Neymar seguiu com suas publicações. O astro postou foto sem legenda em que abraça Kylian Mbappé em comemoração do gol anotado pelo francês, e outra imagem perfilado com todo o time antes de começar o jogo: "Lutar até o fim", escreveu.

Futebol