PUBLICIDADE
Topo

Futebol

ANÁLISE

Texto baseado no relato de acontecimentos, mas contextualizado a partir do conhecimento do jornalista sobre o tema; pode incluir interpretações do jornalista sobre os fatos.

Julio Gomes: Neymar para ser eleito melhor do mundo só ganhando a Copa-2022

Do UOL, em São Paulo

08/04/2021 04h00

Classificação e Jogos

Finalista da Liga dos Campeões no ano passado contra o Bayern de Munique, o brasileiro Neymar não conseguiu o prêmio de melhor jogador do mundo e na temporada atual pode ter outra oportunidade no caso de título europeu, mas tem como um de seus principais concorrentes justamente o francês Kylian Mbappé, seu companheiro de Paris Saint-Germain.

No Fim de Papo, live pós-rodada do UOL Esporte com os jornalistas Julio Gomes, Mauro Cezar Pereira e Rafael Oliveira, o desempenho de Neymar é analisado, assim como o de Mbappé, e Gomes afirma que não vê o brasileiro podendo ser o vencedor na eleição da Fifa pela temporada 2021, estando atrás justamente do francês.

"Deu para ver perfeitamente no ano passado como a necessidade de ganhar a Champions estava muito atolada à necessidade de o Neymar ser eleito o melhor do mundo e eu acho que o Neymar hoje para ser eleito o melhor do mundo, só em 2022 se ganhar a Copa do Mundo com a seleção brasileira, só, e assim, botando a bola em baixo do braço. Mesmo que o Paris Saint-Germain seja campeão dessa Champions agora que a gente está vivendo, só pelo que já fez contra o Bayern e contra o Barça, o Mbappé já está léguas na frente do Neymar em temos de votos", afirma Gomes.

"Estou falando porque a eleição de melhor do mundo é votação e na votação da temporada passada, quando o Neymar para mim foi um dos três melhores da temporada, ele ficou acho que em oitavo, ficou lá para trás, não ficou nem perto do pódio ali, o que mostra que existe uma antipatia geral com o Neymar", completa.

O jornalista afirma que, enquanto no Brasil há uma divisão entre os que gostam e os que odeiam o jogador, a impressão no meio do futebol há uma rejeição, o que dificulta a pretensão de ser o melhor do mundo.

"A antipatia do mundo do futebol, no mundo do futebol acho que tem mais gente que não gosta, que está por aqui com o Neymar, com as atitudes dele e tal, do que gente que gosta entre jogadores, técnicos e jornalistas, e é essa turma que vota, acho difícil para o Neymar ganhar um prêmio de melhor do mundo", conclui.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Futebol