PUBLICIDADE
Topo

Corinthians

Corinthians foca na base e em sete jogos praticamente iguala marca de 2020

Mancini passa instruções aos garotos da base testados no CT Joaquim Grava  - Rodrigo Coca/ Ag. Corinthians
Mancini passa instruções aos garotos da base testados no CT Joaquim Grava Imagem: Rodrigo Coca/ Ag. Corinthians

Yago Rudá

Do UOL, em São Paulo

07/04/2021 04h00

Classificação e Jogos

A proposta da atual diretoria do Corinthians em promover os jovens jogadores das categorias de base tem dado resultado. Neste início de temporada, o técnico Vagner Mancini já promoveu seis atletas formados pelo clube. No ano passado, com Tiago Nunes, Dyego Coelho e o próprio Mancini, o Alvinegro deu a oportunidade para sete nomes pratas da casa estrearem como profissionais.

Foram os casos de Raul Gustavo, Xavier, Ruan Oliveira, Roni, Gabriel Pereira, Gustavo Mantuan e Madson. Exceção ao último jogador citado, que atualmente defende as cores do Santa Cruz, todos fazem parte do atual plantel do Corinthians e estão nos planos da comissão técnica.

Nesta temporada, o clube paulista tem sido mais agressivo ao utilizar os atletas oriundos da base. Nomes como Rodrigo Varanda, Cauê, Matheus Donelli, Antony, Adson e Vitinho já ganharam oportunidade e estrearam no time principal. A tendência é de que mais cara novas ganhem espaço nos próximos jogos. Inclusive, uma das ideias do clube é utilizar a primeira fase do Campeonato Paulista para testar estes jovens.

No elenco, há pelo menos três jogadores com possibilidades reais de serem utilizados nas próximas partidas: o lateral Guilherme Biro, que trata de lesão muscular, o volante Mandaca, que vive a expectativa de ser inscrito no Estadual, e o atacante Felipe Augusto. Ainda há casos de atletas do sub-23, como os laterais Igor Formiga e Higor Lapa — ambos podem ser convocados para treinos com os profissionais.

O posicionamento da diretoria foi gerado pela grave crise financeira, herança das gestões passadas. Por conta disso, embora não descarte a contratação de um ou outro reforço pontual, o Corinthians não está no mercado da bola e não abriu qualquer tipo de negociação com nenhum atleta. A palavra de ordem é cortar gastos e reduzir em até 20% os custos de todos os departamentos do clube.

Corinthians