PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Grêmio segue atrás de reforços, e Renato prevê ligações durante viagem

Renato Gaúcho disse que vai telefonar para jogadores, mesmo durante viagem ao Equador - Lucas Uebel/Getty Images
Renato Gaúcho disse que vai telefonar para jogadores, mesmo durante viagem ao Equador Imagem: Lucas Uebel/Getty Images

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

05/04/2021 04h00

As contratações seguem fazendo parte do dia a dia do Grêmio. Nem mesmo depois de vencer o Inter, no primeiro clássico da temporada (e tomar a liderança do Gauchão das mãos dor rival, o assunto relacionado ao mercado da bola ficou em segundo plano. Renato Portaluppi ainda afirmou que deve ligar, nos próximos dias, para jogadores desejados.

Os telefonemas devem ocorrer, inclusive, durante viagem gremista ao Equador. Na quarta-feira, o time visita o Independiente Del Valle no jogo de ida da fase preliminar da Copa Libertadores. O duelo vale vaga à fase de grupos.

O Grêmio embarca na manhã de hoje rumo a Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia. De lá, no perto do meio-dia, voa até Quito. O desembarque no Equador está previsto para as 14h15 (horário de Brasília).

Na mala, além da missão de voltar com alguma vantagem no mata-mata, a vontade de fechar negócios. O clube procura atacante, meia e ainda pode contratar zagueiro e goleiro.

"Estamos atentos e na viagem mesmo eu vou com o Amodeo, vou falar com o presidente novamente. Ele (Romildo Bolzan Jr., presidente do Grêmio) está um pouco sentido com as críticas feitas a ele. Mas ele é competente, está ao nosso lado. E tudo que a gente decide é para o bem do clube (...) Nessa viagem, provavelmente, vou fazer mais umas ligações. Não vamos trazer só jogadores tops, temos que reforçar o grupo", disse Renato.

Até aqui, o Grêmio anunciou o lateral direito Rafinha (livre no mercado após deixar o Olympiacos e não se acertar com o Flamengo) e Thiago Santos (que estava no Dallas-EUA e assina contrato de três anos). O clube negociou com Rafael Carioca, sondou Everton Cebolinha, consultou Douglas Costa e ofereceu pré-contrato a Rafael Borré. Destes, somente o camisa 11 do Bayern de Munique ainda não está completamente descartado.

O período fora de Porto Alegre também vai ajudar o Grêmio a controlar a informação. Nas últimas semanas, o clube se incomodou com vazamentos.

"Eu sempre falo que as coisas que acontecem no CT têm que ficar no CT do Grêmio. Quando as coisas saem do CT, prejudicam. Eu tenho cobrado bastante das pessoas aqui dentro. Que as coisas não podem sair do CT para Arena ou para rua. É muito ruim para todo mundo. O jogador fica mais valorizado e isso tem prejudicado bastante. A gente está tentando corrigir isso, fazer com que as coisas não saiam do clube. Estamos no mercado, nós vamos reforçar o nosso grupo. O que a gente pede é um pouco de paciência ao torcedor. O presidente vai contratar. Tem muita gente exagerando nas críticas ao presidente", declarou Portaluppi.

O Grêmio enfrenta o Del Valle às 19h15 (horário de Brasília) de quarta-feira (7). O segundo jogo do duelo ocorre na quarta da semana que vem (14), em Porto Alegre.

Futebol