PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Grêmio marca no fim e vence Inter em primeiro Gre-Nal da temporada

Pedro H. Tesch/AGIF
Imagem: Pedro H. Tesch/AGIF

Jeremias Wernek e Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

04/04/2021 00h11

Classificação e Jogos

Grêmio e Internacional usaram todos os titulares que podiam, mas quem decidiu estava no banco. Léo Chu, aos 43 minutos do segundo tempo, acertou chute de fora da área e decidiu o primeiro Gre-Nal da temporada. Além de voltar a vencer o rival, o time de Renato Portaluppi toma a liderança do Campeonato Gaúcho justamente das mãos do Colorado.

O Gre-Nal 430 estava marcado por gols perdidos. Praxedes e Lucas Ribeiro no Inter, Ferreira e Ricardinho no Grêmio. Até Léo Chu arriscar.

A vitória faz o Grêmio empatar em pontos com o Inter, mas a vantagem é gremista pelos critério de desempate. O time de Renato ainda tem um jogo a menos (partida atrasada com o Caxias, agendada para o próximo sábado, 10).

Na próxima rodada, o Inter visita o Aimoré. O Grêmio tem agenda diferente. Na quarta-feira, encara o Independiente Del Valle, no Equador, pela fase preliminar da Copa Libertadores. E no final de semana, recupera jogo atrasado no Gauchão.

Quem foi bem: Léo Chu

Meia-atacante entrou no segundo tempo e adicionou velocidade ao ataque do Grêmio. No final, ainda teve ousadia para chutar de fora da área. Com efeito, com força. Decisivo.

Quem decepcionou: Patrick

Tão importante ao Inter nos últimos anos, camisa 88 fez um clássico para lá de apagado. No início do segundo tempo, teve lampejos e ainda assim criou pouco. Saiu cedo.

Grêmio mobiliza ataque, mas deixa buraco no meio

O Grêmio deixou a bola com o Internacional, mas ficou em cima. A pressão na saída curta gerou boas situações (a partir da grande mobilização do trio Alisson, Pinares e Diego Souza), porém faltou pontaria ou até mais profundidade ao time de Renato. A única finalização veio aos 36 minutos do primeiro tempo (e sem tanto perigo). A estratégia e prática do jogo criou um buraco no meio-campo, que o Inter explorou em pequenas doses e ainda assim criou problemas. A defesa conseguiu se impor, na maioria das vezes.

No segundo tempo, o Grêmio teve mais presença no ataque. Ferreira criou chances, sempre fechando da ponta para o meio. Em uma delas, o chute não teve precisão. As chances realmente apareceram mais depois do intervalo. Ricardinho quase marcou por baixo, após cruzamento de Vanderson. Mas coube a Léo Chu, de fora da área, decidir.

Inter sofre com pressão e fica sem saída curta

A estratégia do Grêmio criou uma dificuldade inédita ao Internacional na temporada. Com Cuesta e Lucas Ribeiro pressionados, o passe longo gerou bons avanços pelo meio. Dourado abriu o jogo com a missão de recuar, mas não foi bem. Edenilson assumiu o papel e deu mais dinâmica. Com Mauricio e Patrick fixados à frente, o Inter sentiu falta de velocidade para chegar até o ataque. Ainda assim, a grande chance do primeiro tempo foi colorada. Praxedes parou nas mãos de Brenno, nos acréscimos.

Depois do intervalo, o Inter criou outra boa chance. De maneira incomum. Lucas Ribeiro disparou da defesa até o ataque e, sem ninguém capaz de fazer o desarme, chutou à esquerda do gol do Grêmio. Na reta final do duelo, o time reduziu o ritmo.

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO 1 X 0 INTERNACIONAL

Data e horário: 03/04/2021 (sábado), às 22h15 (horário de Brasília)
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Árbitro: Anderson Daronco
Auxiliares: Rafael da Silva Alves e Tiago Augusto Kappes Diel
VAR: Daniel Nobre Bins
Cartões amarelos: Vanderson, Léo Chu (GRE)
Gol: Léo Chu, aos 43 minutos do segundo tempo (GRE)

Grêmio: Brenno; Vanderson, Ruan, Rodrigues e Diogo Barbosa; Maicon (Darlan), Matheus Henrique, Alisson (Lucas Silva), Pinares (Ricardinho) e Ferreira (Léo Pereira); Diego Souza (Léo Chú)
Técnico: Renato Portaluppi

Inter: Marcelo Lomba; Rodinei (Heitor), Lucas Ribeiro, Cuesta e Moisés; Rodrigo Dourado, Edenilson e Praxedes (Nonato); Mauricio (Caio Vidal), Yuri Alberto (Guerrero) e Patrick (Palacios)
Técnico: Miguel Ángel Ramírez

Futebol