PUBLICIDADE
Topo

Gaúcho - 2021

Gre-Nal expõe busca por time ideal e "início" de trabalho dos dois lados

Inter e Grêmio vivem mudanças em momentos semelhantes no início de trabalho para 2021 - Fotos de: Lucas Uebel/Grêmio FBPA e Ricardo Duarte/SC Internacional
Inter e Grêmio vivem mudanças em momentos semelhantes no início de trabalho para 2021 Imagem: Fotos de: Lucas Uebel/Grêmio FBPA e Ricardo Duarte/SC Internacional

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

03/04/2021 04h00

Classificação e Jogos

Grêmio e Inter se enfrentam hoje (3) pela primeira vez na temporada. O jogo das 22h15 (de Brasília) pela nona rodada da primeira fase do Gauchão, contudo, está longe de colocar frente a frente o melhor dos dois times. Em início de trabalho, com um calendário apertado pelos afeitos da pandemia de novo coronavírus, o Gre-Nal expõe a busca por um time ideal dos dois lados.

Pode parecer estranho atribuir ao Tricolor um "início". Renato Gaúcho comanda o time desde meados de 2016. Mas o recomeço é evidente, tanto em manifestações quando em rendimento na equipe da Arena.

Até agora, as ideias de jogo parecem seguir as mesmas. O time principal — que deu lugar ao sub-20 no início do Gauchão — foi montado no mesmo 4-2-3-1 com característica de posse de bola e busca pelo ataque pacientemente que consolidou a conquista da série de títulos recentes.

Por outro lado, no fim da temporada passada Portaluppi ensaiava mudanças. Chegou a testar formação com três marcadores centralizados, abriu mão de um armador, propôs uma criação mais direta, apostando alto nos cruzamentos para Diego Souza. Irá propor isso contra seu maior rival? É uma das dúvidas que só o campo responderá.

Na escalação também há caminhos novos. Vanderson pela direita, Brenno no gol, a dupla Kannemann e Geromel abalada por lesões e impedida de ter sequência na zaga, Maicon ainda atrás do melhor ritmo no meio, Ferreira e Pinares se consolidando como titulares. São muitas alterações, que formam um "novo Grêmio".

"A gente sabia que tudo seria muito rápido, que já temos o Gre-Nal e depois uma decisão na Libertadores. Todos tivemos alguns dias de folga e depois tempo para trabalhar. Estamos focados e preparados para começar esta nova temporada, buscando os títulos da melhor forma possível", declarou Pinares.

Já no Inter, o início de trabalho é evidente e marcado por testes. Miguel Ángel Ramírez assumiu o time há cinco jogos. Até então, o sub-20 representava o Colorado na competição.

Tão logo tomou o leme, o espanhol tratou de iniciar um processo de testes. Está dando minutos para todos os jogadores do grupo, e a partir de uma profunda avaliação realizada durante o Estadual é que irá definir uma "espinha dorsal" de time.

"Estamos treinando sempre, e ele (Ramírez) tem alterado bastante o time. Mas no treinamento, todos sabemos das posições e funções que temos. Quem entrar, saberá o papel que tem a cumprir. Não vejo nenhuma questão de entrosamento, o grupo responde bem e ninguém está desconfortável com isso", disse Yuri Alberto.

Além disso, as análises também irão ditar a necessidade ou não de reforços. Apenas depois de compreender o que cada um pode dar é que a direção estará empenhada em agregar valores ao time. Somente Carlos Palacios foi contratado até agora.

O modelo de jogo também é novo. Ramírez chegou implantando o "jogo de posição" que caracteriza seu trabalho. Aos poucos, o elenco vermelho mostra adaptação aos conteúdos passados e já está atuando de acordo com as preferências do comandante.

"É bem diferente do jogo proposto pelo Abel (Braga, ex-treinador colorado). Mas o Coudet (técnico anterior) já adotava uma ideia próxima ao do nosso treinador. Como já tivemos isso, estamos nos adaptando bem. Nos dá uma facilidade grande com a bola, marcar pressão, ter a bola para atacar", acrescentou Yuri.

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO X INTERNACIONAL
Data : 03 de abril de 2021 (Sábado)
Horário: 22h15 (de Brasília)
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Árbitro: Anderson Daronco
Auxiliares: Rafael da Silva Alves e Tiago Augusto Kappes Diel
VAR: Daniel Nobre Bins

GRÊMIO: Brenno; Vanderson, Ruan, Rodrigues e Diogo Barbosa; Maicon, Matheus Henrique, Alisson, Pinares e Ferreira; Diego Souza. Técnico: Renato Gaúcho.

INTER: Marcelo Lomba; Rodinei, Zé Gabriel, Cuesta e Moisés; Rodrigo Dourado, Edenilson e Praxedes; Palacios (Caio Vidal), Yuri Alberto (Galhardo) e Patrick. Técnico: Miguel Ángel Ramírez.