PUBLICIDADE
Topo

Carioca - 2021

Vasco sai na frente, sofre empate e segue distante do G-4 no Carioca

Colaboração para o UOL, em São Paulo

27/03/2021 17h34

Classificação e Jogos

O Vasco empatou com o Madureira pelo placar de 2 a 2 em partida realizada hoje (27) em Xerém, pelo Campeonato Carioca. Sofrendo com a bola parada defensiva, o Cruzmaltino chegou a abrir boa vantagem, mas levou dois gols em poucos minutos, deixando o triunfo escapar.

Os gols do Vasco foram marcados pelo garoto Galarza e o lateral Zeca, duas novidades do elenco profissional para a temporada. Do lado do Madureira, Victor Feitosa e Maurício Barbosa balançaram as redes.

Com o empate, o Vasco chegou à oitava colocação do Campeonato Carioca, ainda longe do G-4, que classifica para a próxima fase do campeonato. Com o ponto somado, o Madureira subiu para o terceiro lugar, e manteve a invencibilidade.

O Vasco volta a campo na próxima terça-feira (30), contra o Fluminense, no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda.

Calor castiga, mas Vasco começa melhor

O jogo começou com as duas equipes sofrendo muito com o forte calor em Xerém, no município de Duque de Caxias. Logo no início, o Vasco conseguiu comandar as ações do jogo, criando boas oportunidades com jogadas bem trabalhadas. Apesar do bom início da equipe cruz-maltina, a equipe encontrou dificuldades em conseguir finalizar com qualidade.

Galarza conclui bonito e abre o placar

O Vasco chegou ao primeiro gol aos 26 minutos da segunda etapa com uma jogada bem trabalhada. Marquinhos Gabriel lançou o lateral Cayo Tenório que, na velocidade, cruzou para dentro da área, e encontrou o paraguaio Galarza. De primeira, o jovem bateu com estilo e fez seu segundo gol como profissional da equipe vascaína. Ele já havia feito um golaço contra o Macaé, na quinta passada.

Jogo fica mais solto no segundo tempo

Com um calor menos intenso e o Madureira precisando buscar o empate, a partida ficou mais dinâmica no início da segunda etapa. O Tricolor Suburbano conseguiu chegar mais ao ataque e criou algumas chances de empatar o jogo, que não foram aproveitadas.

Do outro lado, o Vasco continuou fazendo uma boa partida, com ótimas trocas de passes, dando sinais de que a equipe está começando a adquirir ritmo e, principalmente, ganhando entrosamento, o que será importante para o resto da temporada.

Zeca marca golaço e amplia para o Vasco

O segundo gol do Vasco veio aos 14 minutos da etapa complementar. Aparecendo bem no segundo tempo, Zeca recebeu a bola pela esquerda, limpou para o pé direito e, de fora da área, bateu bonito para o gol. A bola entrou no ângulo, sem chance para o goleiro Felipe Lacerda.

Vasco sofre na bola parada, e Madureira revive no jogo

Com uma boa vantagem no placar, o Vasco viu a partida se complicar em dois lances de bola parada. Na primeira, Juninho cobrou falta rasteira para o meio da área, Victor Feitosa desviou, tirando a chance de Lucão defender. Poucos minutos depois, em outra falta lateral cometida pelo time vascaíno, Maurício Barbosa saltou mais que todo mundo e empatou o jogo.

Cruzmaltino cria, mas desperdiça chance de sair com a vitória

Após o empate, o Vasco voltou a ter volume de jogo e criou pelo menos três chances de marcar o terceiro. Aos 41, Ulisses encontrou bom cruzamento para Tiago Reis, que cabeceou por cima do gol. Logo em seguida, Cano recebeu bola de frente para o gol, com chances de marcar, mas acabou chutando muito forte. No lance seguinte, Vinicius, também livre, desperdiçou mais uma chance.

VASCO 2 X 2 MADUREIRA

Local: Los Lários, Duque de Caxias (RJ)
Hora: 15h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Felipe da Silva Gonçalves Paludo
Auxiliares: Daniel do Espirito Santo Parro e Diogo Carvalho Silva
Cartões amarelos: Bruno Gomes (Vasco); Breno, Rodrigo Yuri, Sampaio (Madureira)

Cartões vermelhos: Nenhum
Gols: Galarza, aos 27 minutos do primeiro tempo (Vasco); Zeca, aos 14 minutos do segundo tempo (Vasco); Victor Feitosa, aos 24 minutos do segundo tempo (Madureira); Maurício Barbosa, aos 27 minutos do segundo tempo (Madureira).

Vasco: Lucão, Cayo Tenório, Miranda (Ulisses), Ricardo Graça e Zeca; Bruno Gomes (Caio Lopes), Galarza, Gabriel Pec (Vinícius), Marquinhos Gabriel (Laranjeira), Carlinhos (Tiago Reis); Cano. Técnico: Marcelo Cabo.

Madureira: Felipe Lacerda; Rhuan (Bruno Oliveira), Breno, Maurício Barbosa e Juninho; Victor Feitosa, Rodrigo Yuri, Nivaldo (Humberto); Sillas (Sampaio), Luiz Paulo (Natan), Bruno Santos (Edmário). Técnico: Alfredo Sampaio.