PUBLICIDADE
Topo

Corinthians

Corinthians aguarda definição da FPF, mas já planeja folga ao elenco

Vagner Mancini, técnico do Corinthians, e Duilio Monteiro Alves, presidente do clube, conversam sobre o assunto há semanas  - Rodrigo Coca/ Ag. Corinthians
Vagner Mancini, técnico do Corinthians, e Duilio Monteiro Alves, presidente do clube, conversam sobre o assunto há semanas Imagem: Rodrigo Coca/ Ag. Corinthians

Yago Rudá

Colaboração para o UOL, em São Paulo

18/03/2021 04h00

A diretoria e a comissão técnica do Corinthians aguardam um posicionamento da FPF (Federação Paulista de Futebol) sobre a realização ou não da partida contra o Mirassol —prevista para acontecer no próximo domingo (21)— pela fase de grupos do Paulistão. Ainda sem saber se jogará no fim de semana, o Timão já planeja dar folga para todos os atletas do elenco.

Devido ao estado crítico da pandemia e ao aumento no número de casos de covid-19, o governador João Doria vetou a realização de partidas de futebol do dia 15 ao dia 30 de março. A FPF se manifestou contrária à decisão e estuda a realização dos jogos em outros Estados. Neste cenário, o jogo do Corinthians contra o Mirassol, marcado para domingo, ainda é uma incerteza.

O Corinthians foi um dos signatários do manifesto da Federação Paulista e, portanto, entende que o protocolo adotado pelo futebol é seguro e não propaga a doença. O clube, no entanto, acatará a decisão final do Governo do Estado de São Paulo. Ciente da possibilidade de não haver qualquer compromisso oficial liberado pelo poder público até o fim deste mês, o departamento de futebol já planeja dar um descanso ao elenco.

"A ideia realmente é dar uns dias de folga, mas ainda não temos essa confirmação de que não haverá os jogos. O importante é voltar para São Paulo, sentar e aguardar a definição. Se tiver jogo no domingo, vamos entrar em campo. Se não tiver, os atletas merecem a folga. Lógico que não é muito, mas eles merecem", disse Mancini, ontem, após a vitória na estreia da Copa do Brasil contra o Salgueiro, no sertão pernambucano, por 3 a 0.

Mesmo vivendo a incerteza do que será decidido para os próximos dias, o Corinthians manterá sua programação no departamento de futebol. Hoje pela manhã, a delegação retorna para São Paulo e, após o desembarque na capital paulista, será liberada para descansar o resto do dia. Amanhã (19), o elenco treina no CT Joaquim Grava e, a princípio, inicia a preparação para enfrentar o Mirassol no domingo.

Caso a situação não esteja definida até a tarde de sexta, a comissão técnica e a diretoria darão folga aos atletas, pelo menos neste fim de semana. O clube entende que é necessário manter os treinos e, por isso, não cederá mais tempo aos jogadores para ficarem com seus familiares.

"Quando você analisa o contexto do futebol, é importante que os atletas também tenham tempo para sua vida social. Mesmo que a gente não tenha vida social nas ruas, você pode tê-la dentro de casa. Os treinamentos vão seguir, não vamos abrir mão de nada", analisou o comandante do Corinthians.

Corinthians