PUBLICIDADE
Topo

Vasco

Em estreia de Cabo, Vasco empata com Nova Iguaçu e segue sem vitória

Do UOL, no Rio de Janeiro

13/03/2021 20h00

Classificação e Jogos

Em jogo que marcou a estreia do técnico Marcelo Cabo, o Vasco empatou em 2 a 2 com o Nova Iguaçu —gols de Gabriel Pec (2), Ricardo Graça (contra) e Raphael Carioca—, em São Januário (RJ), e seguiu sem vitória na Taça Guanabara. Anteriormente, o Cruzmaltino havia perdido para Portuguesa e Volta Redonda, quando atuou com a equipe sub-20.

Agora, o Vasco volta seu foco para o jogo que tem encarado como prioridade: contra a Caldense, em Minas Gerais, em duelo válido pela primeira fase da Copa do Brasil. Por causa da alta premiação da competição, o jogo é visto como muito importante para o decorrer da temporada. O confronto é em partida única e os cariocas têm a vantagem do empate.

Pela Taça Guanabara, o próximo duelo é o clássico contra o Botafogo, no dia 20, o Cruzmaltino precisa vencer para continuar vivo com chances de classificação. Somente os quatro primeiros avançam para as semifinais.

Cabo estreia vibrante

Apresentado no último dia 2, o técnico Marcelo Cabo estreou de maneira vibrante. No gol de Gabriel Pec, comemorou efusivamente e fez questão de dar um abraço no jovem. Em sua estratégia, mesclou os remanescentes da temporada passada e os jovens revelados na base cruzmaltina.

O melhor - Pec em franca evolução

Cria da base do Vasco, Gabriel Pec demonstra estar cada vez mais adaptado ao profissional. Em mais uma boa partida, foi o jogador que mais ofereceu perigo ao Nova Iguaçu e fez dois gols.

O pior - Ricardo Graça comete falhas

Aposta do Vasco, o zagueiro Ricardo Graça não iniciou bem a temporada. Ele marcou um gol contra e falhou no segundo tento do Nova Iguaçu.

Oportunista, Pec abre o placar

Com o controle do jogo, embora não fosse tão efetivo, o Vasco abriu o placar após Gabriel Pec pegar uma sobra em jogada de Laranjeira e concluir com categoria para o fundo do gol.

Gol contra iguala o placar

Em uma jogada aparentemente inofensiva, o Nova Iguaçu chegou ao empate após Yan receber uma bola na esquerda, cruzar e encontrar o zagueiro vascaíno Ricardo Graça que, na ânsia de cortar a bola de Raphael Carioca, colocou contra o próprio patrimônio.

Pec de novo

Aos 15 minutos do segundo tempo, Talles Magno cruzou errado, a bola resvalou em MT e sobrou para Gabriel Pec, oportunista, fazer o segundo gol dele e colocar o Vasco novamente na frente no placar.

Golaço de Raphael Carioca

O Nova Iguaçu não se abateu com o gol sofrido e chegou ao empate aos 21 do segundo tempo, quando após um bate e rebate, Raphael Carioca pegou com muita categoria na bola, de fora da área, e colocou no ângulo, sem chances para o goleiro Lucão.

Programação com mulheres

O pay-per-view do Vasco fez uma transmissão composta exclusivamente por mulheres. Comandado pela apresentadora Vanessa Riche, o programa contou com vascaínas representantes de diversas áreas.

E rolou a campanha

NOVA IGUAÇU 2 X 2 VASCO
Local:
São Januário, Rio de Janeiro (RJ)
Hora: 18h (horário de Brasília)
Árbitro: Paulo Renato Moreira da Silva Coelho
Auxiliares: Carlos Henrique Alves de Lima Filho e Rachel de Mattos Bento
Cartões amarelos: Andrey (VAS)
Cartões vermelhos: Nenhum
Gols: Gabriel Pec, aos 32 minutos do primeiro tempo (VAS); Ricardo Graça (contra), aos 38 minutos do primeiro tempo (NIG); Gabriel Pec, aos 15 minutos do segundo tempo (VAS); Raphael Carioca, aos 21 minutos do segundo tempo (NIG)

Nova Iguaçu: Luis Henrique; Digão, André Santos, Gilberto e Rafinha; Abuda (Vinícius Matheus), Vandinho e Dieguinho (Baggio); Yan, Canela (Anderson Kunzel) e Raphael Carioca. Técnico: Carlos Vitor.

Vasco: Lucão; Cayo Tenório (Vinicius), Ernando, Ricardo Graça e MT (Miranda); Bruno Gomes, Andrey (Juninho) e Carlinhos (Marquinhos Gabriel); Gabriel Pec, Laranjeira e Talles Magno. Técnico: Marcelo Cabo.

Vasco