PUBLICIDADE
Topo

Gaúcho - 2021

Com reservas, Grêmio vence o Esportivo e mantém 100% no Gauchão

Jogadores do Grêmio comemoram gol de Thaciano contra o Esportivo, pelo Gauchão - Lucas Uebel/Grêmio
Jogadores do Grêmio comemoram gol de Thaciano contra o Esportivo, pelo Gauchão Imagem: Lucas Uebel/Grêmio

Do UOL, em Porto Alegre

13/03/2021 21h53

Classificação e Jogos

O Grêmio venceu a segunda partida no Campeonato Gaúcho. Hoje (13), fez 2 a 0 no Esportivo, em Bento Gonçalves, pela quarta rodada da competição. O Tricolor, que teve dois jogos adiados, tem 100% de aproveitamento.

Os gols foram marcados por Thaciano e Lucas Araújo. Com seis pontos, o time de Porto Alegre é o terceiro colocado na classificação.

Renato Gaúcho optou por usar reservas, pois vários titulares ganharam um período de folga em razão do acúmulo de jogos desde a temporada passada.

Na próxima terça-feira (16), o Grêmio tem pela frente o Ayacucho, do Peru. O jogo de volta da primeira eliminatória da fase preliminar da Libertadores será disputado em Quito, no Equador. A vantagem é larga, conquistada com a vitória por 6 a 1 no jogo de ida, em Porto Alegre.

Já o Esportivo se prepara para a partida contra o Remo, na quarta-feira (17), pela Copa do Brasil.

Foi bem: Vanderson dá assistência perfeita

O gol gremista que abriu o placar, de Thaciano, partiu dos pés de Vanderson. O lateral direito fez um cruzamento muito bom e deixou o meio-campista pronto para colocar na rede. Além disso, o jovem de 19 anos foi importante em outros lances, "cavando" espaço no time titular.

Foi mal: Isaque perde oportunidades

Isaque teve ao menos duas chances de concluir em gol, mas não conseguiu. O atacante errou domínios e não participou como deveria do setor ofensivo gremista.

Brenno ganha chance no gol gremista

Brenno está de olho na titularidade. Com Vanderlei e Paulo Victor passando por momentos ruins, o goleiro de 21 anos recebeu chance de provar o status que tem nos bastidores do clube. Logo no início do jogo, foi exigido em cruzamentos. E, com a boa atuação do time, acabou participando pouco do jogo. Quando foi requisitado, no segundo tempo, fez uma boa defesa.

O jogo do Esportivo: Pouca criação, muitos cruzamentos

O Esportivo até começou o jogo tentando marcar no campo de ataque e pressionar o Grêmio. Mas durou pouco. Ao perceber que deixava espaços, o time de Luís Carlos Winck já recuou antes dos 10 minutos. E foi vazando aos poucos até sofrer gol. Ofensivamente, a criação foi muito aquém do esperado, frequentando a área apenas com cruzamentos.

O jogo do Grêmio: Posse, dominância e oportunidades

O Grêmio foi absoluto contra o Esportivo. Mesmo fora de casa e com time formado por suplentes e meninos, o time de Porto Alegre sempre esteve mais perto do gol que seu rival. Com Léo Chú, Guilherme Azevedo e Isaque, frequentou o gol e suas cercanias desde a abertura do confronto. Darlan abastecendo de trás, Pinares dando sequência às jogadas e os cruzamentos de Vanderson também estiveram presentes no contexto positivo. Não demorou para o placar ser aberto e a vitória construída.

Renato recebe homenagem antes do jogo

Renato Gaúcho foi homenageado antes da partida. Cria de equipes de base do Esportivo, o treinador do Grêmio recebeu uma camisa do clube de Bento Gonçalves e muito carinho da direção da equipe da serra. "É um prazer voltar aqui. Um clube em que joguei pouco tempo, mas tudo começou aqui", disse Portaluppi antes da partida.

FICHA TÉCNICA
ESPORTIVO 0 X 2 GRÊMIO

Data: 13/03/2021 (Sábado)
Local: estádio Montanha dos Vinhedos, em Bento Gonçalves (RS)
Árbitro: Jonathan Benkenstein Pinheiro
Auxiliares: Leirson Peng Martins e Mateus Olivério Rocha
Cartões amarelos: Hulk (ESP)
Gols: Thaciano, do Grêmio, aos 24 minutos do primeiro tempo; Lucas Araújo, do Grêmio, aos 30 minutos do segundo tempo

Esportivo
Anderson; Itaqui (Matheus Norton), Júnior Alves, Igor e Samuel Balbino; Lucas Hulk, Mateus Santana e Juninho Tardelli (Gonzalo); Daniel Cruz (Vini Martins), William (Renan) e Warlei (Wesley).
Técnico: Luiz Carlos Winck

Grêmio
Brenno; Vanderson (Felipe), Ruan, Rodrigues e Bruno Cortez; Darlan (Heitor), Thaciano, Léo Chú (Ricardinho), Pinares (Léo Pereira) e Guilherme Azevedo; Isaque (Lucas Araújo).
Técnico: Renato Gaúcho