PUBLICIDADE
Topo

Futebol

ANÁLISE

Texto baseado no relato de acontecimentos, mas contextualizado a partir do conhecimento do jornalista sobre o tema; pode incluir interpretações do jornalista sobre os fatos.

Mauro: Técnico estrangeiro no Brasil vai embora se surgir algo interessante

Do UOL, em São Paulo

12/03/2021 19h06

O Palmeiras venceu o São Caetano por 3 a 0 pelo Campeonato Paulista sem contar com o técnico Abel Ferreira no banco devido ao período de férias que o português teve, assim como parte dos jogadores do elenco, e embarcou para Portugal com o avião de Leila Pereira, patrocinadora e conselheira do clube.

No podcast Posse de Bola #107, Mauro Cezar Pereira comenta a ida do treinador a Portugal, lembra da situação de Jorge Jesus, que foi ao país durante a paralisação causada pela pandemia, voltou ao Flamengo, mas decidiu acertar com o Benfica e deixar o comando do clube brasileiro, o que afirma que é sempre um risco no caso de técnico estrangeiro que trabalha no Brasil.

"É diferente da situação do Jesus, que foi, voltou, aí ganhou o Campeonato Carioca e aí ele foi embora de vez, quando veio o jatinho do presidente do Benfica. Renovou o contrato e depois quis ir embora, e certamente isso pode acontecer com qualquer um deles, qualquer um desses gringos, não é só o Jesus", diz Mauro Cezar.

"Jesus foi embora, Osorio foi embora, Rueda foi embora, o Bauza foi embora, o Coudet foi embora, o Sampaoli foi embora. Todo técnico estrangeiro que estiver trabalhando aqui no Brasil, se surgir algo mais interessante, ele vai embora, claro, porque o futebol brasileiro não é o melhor mercado", completa.

Para o jornalista, uma preocupação sobre saída para o futebol europeu não deve ser a preocupação do torcedor do Palmeiras no momento por não saber se o português tem mercado na Europa, além do fato de não ser o momento para mudanças na temporada do continente europeu.

"Eu não sei se o Abel Ferreira já tem mercado lá para despertar o interesse. Também não é o momento, o momento do mercado que talvez ele possa despertar interesse e o torcedor palmeirense venha a se preocupar seria mais adiante, metade do ano, quando a temporada europeia estiver terminando e eles começarem a pensar na próxima", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter).

A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts. Você pode ouvir, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e Youtube --neste último, também em vídeo. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Futebol