PUBLICIDADE
Topo

Atlético-MG

Atlético-MG quer zagueiro e pode fazer oferta a Jemerson, do Corinthians

Zagueiro Jemerson assinou contrato de empréstimo com o Corinthians em novembro de 2020 - Rodrigo Coca/ Ag. Corinthians
Zagueiro Jemerson assinou contrato de empréstimo com o Corinthians em novembro de 2020 Imagem: Rodrigo Coca/ Ag. Corinthians

Guilherme Piu, Thiago Fernandes e Yago Rudá

Do UOL, em Belo Horizonte e São Paulo

08/03/2021 19h00

O departamento de futebol do Atlético-MG está de olho nas oportunidades do mercado da bola e, após um 2020 de muitos gastos, com investimento que se aproximam dos R$ 300 milhões pagos por mecenas que aportam dinheiro no clube, os dirigentes buscam contratações pontuais para fortalecer o já encorpado elenco. Depois de Hulk, Dodô e Nacho Fernández, o Galo mira um zagueiro. Jemerson, atualmente no Corinthians, e revelado nas categorias do Galo, interessa.

A situação de Jemerson no Corinthians é indefinida. O zagueiro de 28 anos tem contrato com o time paulista até 30 de junho, e como o Timão passa por dificuldades financeiras, não se pode cravar que o jogador permaneceria no CT Joaquim Grava. Aí que entra o Atlético-MG.

Segundo apurou o UOL Esporte, Jemerson teve uma conversa inicial com representantes atleticanos e em um primeiro momento, da parte do Galo, houve uma busca por informações da situação do jogador, das intenções dele para o decorrer do ano, e para tomar nota da vontade do defensor em retornar ao clube que o revelou.

Para contratar Jemerson por empréstimo, o Corinthians acordou o pagamento de 680 mil euros (cerca de R$ 4,5 milhões), valor que foi parcelado e está sendo pago ao Monaco (FRA), último clube do zagueiro. Como ficará livre e sem contrato com os franceses a partir de julho, o zagueiro pode assinar novo vínculo com o Alvinegro paulista ou arrumar as malas para deixar a equipe. O Galo ainda não fez uma proposta, mas estuda essa alternativa para, quem sabe, os próximos dias.

O Corinthians, oficialmente, não foi procurado para tratar do tema, mas tem o desejo de ficar com o atleta. Por isso, tem conversas para uma eventual renovação, que dependerá da proposta salarial, que pode ser um entrave.

Como tem necessidade de contratar um jogador para o setor defensivo, o Atlético-MG vê Jemerson como uma boa possibilidade, pela idade, identificação com o clube, e a situação atual de mercado, já que está livre para assinar um pré-contrato. Quando deixou o Monaco para retornar ao Brasil, a equipe da França permaneceu com 20% dos direitos econômicos do atleta.

Revelado na Cidade do Galo, Jemerson teve os direitos econômicos vendidos ao Monaco em 2016. O time europeu pagou algo em torno de R$ 48 milhões à época para tirá-lo do Atlético-MG, que tinha 60% dos direitos. Com a camisa da equipe, o defensor conquistou o Campeonato Francês da temporada 2016/2017 e pelas atuações no Velho Mundo chegou à seleção brasileira, sendo cotado, inclusive, para uma vaga entre os convocados para a Copa do Mundo de 2018, o que acabou não acontecendo.

Com a camisa do Atlético-MG o zagueiro foi campeão estadual em 2013 e 2015, da Copa Libertadores 2013, da Recopa 2014 e da Copa do Brasil 2014.

Atlético-MG