PUBLICIDADE
Topo

Copa do Brasil - 2021

Estratégia da PM funciona e evita aglomeração nos arredores do Allianz

Yago Rudá

Do UOL, em São Paulo

07/03/2021 18h40

Classificação e Jogos

Diferentemente do que aconteceu há pouco mais de um mês na decisão da Copa Libertadores, na tarde de hoje (7) a torcida do Palmeiras não teve acesso aos arredores do Allianz Parque. A Polícia Militar barrou as entradas das ruas Palestra Itália e Padre Antônio Tomás, o que dificultou qualquer aglomeração antes do segundo e decisivo jogo da final da Copa do Brasil contra o Grêmio.

O tradicional recebimento da torcida do Palmeiras ao ônibus da delegação não pôde acontecer neste domingo. Cumprindo determinação do Governo do Estado de São Paulo no plano de contenção à pandemia, a Polícia adotou uma ação estratégica e fechou os principais acessos ao estádio palmeirense, impossibilitando a formação de grupos de torcedores.

Os poucos palmeirenses que saíram de casa para acompanhar a decisão da Copa do Brasil não conseguiram acessar as ruas do entorno do estádio e ficaram espalhados pela região da Pompeia (zona oeste da cidade de São Paulo). O comércio da região também permaneceu fechado, com exceção apenas para os serviços essenciais —como manda a fase vermelha.

Nas horas que antecederam a final da Copa do Brasil e durante os primeiros minutos do duelo entre Palmeiras e Grêmio, não houve qualquer tipo de conflito ou tumulto na região do Allianz Parque. A PM, em parceria com a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), sinalizou a mudança dos acessos e o trânsito fluiu sem qualquer tipo de problema.