PUBLICIDADE
Topo

Palmeiras

Abel diz que Palmeiras o fez melhor e relembra acerto: "Impossível recusar"

Abel Ferreira, durante treino do Palmeiras, na Academia de Futebol - Cesar Greco
Abel Ferreira, durante treino do Palmeiras, na Academia de Futebol Imagem: Cesar Greco

Thiago Ferri

Do UOL, em São Paulo

07/03/2021 12h00

Abel Ferreira completou quatro meses de Palmeiras e hoje (7) pode levantar a sua segunda taça pelo clube. Campeão da Copa Libertadores, ele comanda o Verdão na decisão da Copa do Brasil, contra o Grêmio, às 18h, no Allianz Parque. Aos 42 anos de idade, o português não tinha nenhuma conquista na carreira até chegar ao Palmeiras. Para ele, a passagem pelo Brasil já o fez um treinador melhor do que na época do PAOK, da Grécia.

"Quando tive a reunião [de apresentação], falei com todos no CT, não sei se passou tudo que eu disse, mas minha grande mensagem foi: vou precisar mais de vocês do que vocês de mim. Se hoje sou melhor treinador, eu era um treinador sem títulos e para ganhar precisava vir para grandes clubes e grandes estruturas, como o Palmeiras", afirmou.

Substituto de Vanderlei Luxemburgo, Abel foi escolhido depois de uma avaliação do departamento de futebol em busca de um nome que tivesse métodos de treinos modernos, soubesse trabalhar com a base e fosse capaz de fazer o Verdão atuar melhor. Do outro lado, o técnico português e seus auxiliares também fizeram um estudo sobre o Palmeiras. A conclusão de Abel foi de que não havia como recusar o convite para assumir o clube brasileiro.

"Depois do estudo era impossível recusar um convite com esta estrutura, planificação e dimensão. Ainda mais sabendo que tenho minhas ambições, sei aonde quero chegar. Quando cheguei, sem títulos, falei que para vencer era preciso estar em grandes clubes. O Guardiola fala isso. Dentro desta perspectiva que aceitei o convite. Quando vim para o Palmeiras sem títulos, era para vir a grande clube e também ganhar. Não há treinador no mundo bom sem a sua estrutura. Hoje sou melhor treinador graças ao clube e em forma especial aos jogadores do Palmeiras", completou.

Palmeiras