PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Renato aprova teste e admite mexer no Grêmio em final da Copa do Brasil

Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Imagem: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

04/03/2021 04h00

Vanderson, Pinares e Ferreira tiveram atuações de destaque na vitória do Grêmio diante do Brasil de Pelotas, pela segunda rodada do Campeonato Gaúcho, na última quarta-feira. Exceção feita ao chileno, que não tem condições legais de atuar na Copa do Brasil, os personagens da goleada por 4 a 1 se credenciam a aparecer na final com o Palmeiras. E Renato Gaúcho deu margem a isso.

Palmeiras e Grêmio jogam domingo (7), no Allianz Parque, às 18h (de Brasília).

O UOL Esporte mostrou que Vanderson tem sido cogitado no time titular para a decisão. Ele é opção para a vaga de Victor Ferraz sob argumento de maior intensidade. Ferreira é alternativa para o lugar de Alisson, pelos dribles e velocidade.

Renato Portaluppi, diante dos microfones, deixou a possibilidade de usar os dois. Ao contrário de outros momentos, às vésperas de jogos decisivos, o treinador não afirmou já ter o time escalado. Pronto. Com dúvida apenas da opinião pública.

"O jogador é que se escala. Tenho um grupo e sempre falo que todo mundo recebe oportunidades. Ninguém é dono da posição. Pode ser que alguém ganhe a posição, sim", disse o técnico gremista.

Ferreira, no entanto, deixou o jogo mais cedo e com uma mancha vermelha na ficha do teste. O meia-atacante foi expulso ao revidar entrada de Matheusinho, do Brasil de Pelotas.

"Quanto ao Ferreira e ao Guilherme, são dois jogadores que a gente tem dado oportunidades, dois jogadores que vieram da base e com futuro muito grande. Eles vem tendo a chance deles, merecidamente, pelo o que estão fazendo nos treinamentos", comentou Renato Gaúcho.

O Grêmio vai ficar em Atibaia entre quinta-feira e sábado. Na véspera do jogo, a delegação se desloca até São Paulo para a final de domingo.

Futebol