PUBLICIDADE
Topo

Futebol

De olho no Palmeiras, Grêmio goleia Brasil-PEL em estreia no Gauchão

Fernando Alves/AGIF
Imagem: Fernando Alves/AGIF

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

03/03/2021 21h53

Classificação e Jogos

O Grêmio estreou no Campeonato Gaúcho com vitória. Hoje (3), em Porto Alegre, os reservas e jovens escalados por Renato Portaluppi fizeram 4 a 1 em cima do Brasil de Pelotas. A partida teve como destaques Vanderson e Ferreira. A dupla é considerada alternativa ao time titular para a final da Copa do Brasil, contra o Palmeiras, domingo (7). Mas o meia-atacante foi expulso e deve perder pontos na briga por um lugar na equipe ideal.

Lucas Silva abriu o placar, cobrando pênalti sofrido por Thaciano. Ferreira marcou o segundo, Guilherme Azevedo o terceiro e André Kroebel descontou. Isaque, logo depois, fechou o placar.

Na próxima rodada, o Brasil-PEL visita o Esportivo. O jogo em Bento Gonçalves acontece no sábado (6), às 20h (de Brasília). O duelo do Grêmio com o São José-POA, no Passo D'Areia, foi adiado por causa da decisão da Copa do Brasil.

O Grêmio visita o Palmeiras no domingo, às 18h (horário de Brasília), no segundo jogo da final da Copa do Brasil. O time gaúcho precisa vencer para ficar com o título.

Quem foi bem: Pinares

Meia chileno distribuiu passes longos, passes curtos e ajudou a ditar o ritmo da partida. Com mais liberdade, caiu para os lados e até recuou. Fugiu da função centralizada, de costas para a defesa. A fragilidade defensiva do Brasil-PEL também ajudou. O chileno não disputa a Copa do Brasil por ter sido contratado após o prazo de inscrições.

Quem decepcionou: Ferreira

O camisa 47 marcou o segundo gol do Grêmio na partida e mostrou inteligência ao aproveitar lançamento milimétrico de Pinares. Mas na reta final do jogo, Ferreira revidou entrada e foi expulso. O cartão vermelho arranha a ascensão do meia-atacante e deve frear a possibilidade de virar titular nas próximas semanas.

Guilherme Azevedo "rouba" gol

O terceiro gol do Grêmio foi de Guilherme Azevedo, mas poderia muito bem ser de Pinares. O chileno bateu na saída do goleiro, de cavadinha, e já se preparava para comemorar. Foi quando o meia-atacante tocou na bola —quase em cima da linha— e tomou para si o feito.

Grêmio decide o jogo com 12 minutos

O Grêmio não precisou correr demais para superar o Brasil-PEL. Com bons dribles, Ferreira e Gui Azevedo conseguiram criar espaços, e em intervalo de 12 minutos, o time de Renato Gaúcho fez três gols. Destaque, também, para a movimentação de Pinares.

No começo do segundo tempo, o Grêmio levou um golpe e reagiu rápido. Fez o quarto gol e passou a administrar o duelo. Ainda assim, o time distribuiu bem os ataques pelos dois lados.

Brasil-PEL tem defesa frágil

A estratégia do Brasil-PEL era se defender bem perto do gol. Não deu certo. Com uma linha frágil, o time visitante foi sendo encurralado e não tinha sequer força ofensiva para sustentar a posse mais de longe e ganhar fôlego. Entre o primeiro e terceiro gol sofridos, a equipe ficou totalmente entregue. Houve um lampejo de reação na volta para a etapa final.

O gol de André Kroebel saiu mais da própria insistência do lateral do que de jogada coletiva. O ímpeto maior levou ducha de água fria minutos depois.

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO 4 X 1 BRASIL-PEL

Data e hora: 03/03/2021 (quarta-feira), às 20h (horário de Brasília)
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Árbitro: Roger Goulart
Auxiliares: André da Silva Bitencourt e Maíra Mastella Moreira
Cartões amarelos: David Braz (GRE); Heverton, Igor Miranda (BRA)
Cartão vermelho: Ferreira (GRE)
Gols: Lucas Silva, aos 16 minutos do primeiro tempo; Ferreira, aos 19 minutos do primeiro tempo; Guilherme Azevedo, aos 28 minutos do primeiro tempo; Isaque, aos nove minutos do segundo tempo (GRE); André Kroebel, aos quatro minutos do segundo tempo (BRA)

Grêmio: Paulo Victor; Vanderson (Ruan), Rodrigues, David Braz e Cortez; Lucas Silva e Thaciano (Pedro Lucas); Guilherme Azevedo, Pinares (Darlan) e Ferreira; Isaque (Ricardinho)
Técnico: Renato Portaluppi

Brasil-PEL: Matheus Nogueira; André Krobel, Ícaro, Heverton e Igor Miranda; Everton Dias, Bruno Matias e Douglas Araújo (Gabriel Terra); Matheuzinho (Cristian Daniel), Jarro (Léo Ferraz) e Bruno Paraíba (Netto)
Técnico: Claudio Tencatti

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do informado, o goleiro do Grêmio foi Paulo Victor, não Vanderlei.

Futebol