PUBLICIDADE
Topo

Fluminense

Esnobado em seleção, Luccas Claro brilha e é destaque do Flu no Brasileirão

Luccas Claro comemora o gol do Fluminense contra o Santos - Jorge Rodrigues/AGIF
Luccas Claro comemora o gol do Fluminense contra o Santos Imagem: Jorge Rodrigues/AGIF

Caio Blois

Do UOL, no Rio de Janeiro

28/02/2021 04h00

Do início sem muitas expectativas ao posto de titular absoluto, Luccas Claro venceu a desconfiança para se tornar um dos alicerces do Fluminense. Os números mostram um Brasileirão impecável do zagueiro de 29 anos, que fez a melhor temporada de sua carreira, mas acabou esnobado na eleição da seleção do Campeonato Brasileiro em detrimento a nomes mais badalados.

Defensor que menos sofreu dribles e que encerrou a competição sem levar nenhum cartão amarelo, Luccas foi o líder da quarta melhor defesa do Brasileiro. E mais: marcou dois gols, não cometeu nenhum erro que tenha terminoado em bola na rede e foi ainda o quarto melhor dentre os zagueiros nos duelos com atacantes.

Antes criticado pela torcida, Claro virou um dos "xodós" durante a boa campanha do Tricolor, que ficou com a quinta colocação e se classificou para a Libertadores após oito anos.

Toda a temporada foi ótima: o defensor marcou seis gols em 42 jogos, sendo dois deles contra o arquirrival Flamengo. No meio do ano, renovou contrato até o final de 2022, e faz parte da espinha dorsal do Flu ao lado de seu companheiro Nino.

O zagueiro ganhou ainda mais moral em um momento de superação: após perder o pai para a covid-19, pediu para jogar no dia seguinte, mesmo liberado, e fez grande partida no empate do Flu com o Atlético-MG no Maracanã. Também por isso, foi escolhido para representar o Fluminense no prêmio "Craque da Galera" do Brasileirão.

"Não digo que sou o melhor zagueiro do campeonato, mas estou muito feliz com o meu desempenho. Certamente me coloco nessa briga. O trabalho vem sendo bem feito com os meus companheiros e a comissão técnica. Fico feliz com isso", destacou o jogador durante a competição.

Fluminense