PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Totti revela que foi forçado a deixar a Roma: 'Agora eu sofro de fora'

Francesco Totti é homenageado antes de Roma x Real Madrid - Alessandro Bianchi/Reuters
Francesco Totti é homenageado antes de Roma x Real Madrid Imagem: Alessandro Bianchi/Reuters

Colaboração para o UOL, em São Paulo

23/02/2021 15h36

O ídolo italiano Francesco Totti desabafou em uma entrevista à Christian Vieri, na Bobo TV. Durante a conversa, o ex-atacante disse que foi forçado a tomar uma decisão que nunca tomaria, que era deixar a Roma, o time que defendeu durante toda sua carreira.

"Eu me imaginei em Roma para sempre. Então eles me colocaram na parede e em uma posição difícil, me forçando a tomar uma decisão que eu nunca teria tomado. Isso poderia ter dado coisas boas ao clube, agora eu sofro por fora", disse ele.

Classificando a decisão como 'a mais difícil de sua vida', Totti contou que até agora, desde a sua saída em 2019, ele ainda não assimilou o ocorrido de uma forma positiva.

"Prefiro me suicidar a deixar Roma. Eu poderia ter feito melhor do que outros líderes, mas fui o último dos moicanos", lamenta.

Por fim, o ex-jogador deixou claro que ainda tem pretensões de retomar seu vínculo com o time italiano, justamente pelo fato de que acredita que seria importante ter por perto alguém que soubesse tanto sobre a história da Roma.

"Nunca me envolvi nas decisões, agora o clube ainda está nas mãos de estrangeiros, o treinador e o diretor desportivo são estrangeiros. Seria útil ter alguém no clube que soubesse de tudo sobre Roma. É o que está faltando no momento", finalizou.

Esporte