PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Palmeiras já recebeu R$ 80 milhões por título da Libertadores, diz Conmebol

O presidente Mauricio Galiotte, da SE Palmeiras, comemora a conquista da competição após jogo contra a equipe do Santos FC, em partida final, da Copa Libertadores, no Estádio do Maracanã. - Cesar Greco
O presidente Mauricio Galiotte, da SE Palmeiras, comemora a conquista da competição após jogo contra a equipe do Santos FC, em partida final, da Copa Libertadores, no Estádio do Maracanã. Imagem: Cesar Greco

Colaboração para o UOL, em São Paulo

23/02/2021 16h19

Nesta terça-feira, 23, começa mais uma edição da Libertadores da América. Falando sobre o torneio, Gonzalo Belloso, Secretário Geral Adjunto do Futebol e Diretor de Desenvolvimento da Conmebol, afirmou que a premiação financeira deste ano será superior a do último campeonato, que teve o Palmeiras campeão e uma premiação de R$ 80 milhões.

"O objetivo deste ano é aumentar a quantia para o vencedor, mas hoje ele estaria levando 15 milhões de dólares, assim como o Palmeiras, que acabamos de pagar", disse ele.

Projetando uma premiação ainda mais expressiva para 2021, o ex-jogador cravou que a Conmebol já tem definido o esquema de pagamentos de acordo com as fases que os clubes integrarem.

"Os prêmios a serem distribuídos serão superiores a 200 milhões de dólares (230 aproximadamente). Os números falam por si, existe uma grande competitividade na Sul-Americana e Libertadores e tentamos aumentar os números por ano. Para os clubes é muito importante ter um bom rendimento, pois fizeram um grande esforço durante este último ano", pontuou.

As partidas das fases de grupos renderão um valor de um milhão de dólares por cada jogo em casa. Os que competirem nas oitavas, quartas e semifinais receberão um milhão, um e meio milhão e dois milhões de dólares, respectivamente. Além disso, existe o valor da final, que Gonzalo deixou em aberto.

Futebol