PUBLICIDADE
Topo

Botafogo

Destaque contra o São Paulo, Warley ainda tem futuro incerto no Botafogo

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

23/02/2021 04h00

Destaque na vitória sobre o São Paulo, o atacante Warley ainda tem futuro indefinido no Botafogo. Recém-chegado, o técnico Marcelo Chamusca estuda, juntamente à diretoria, os rumos do elenco alvinegro para a próxima temporada e analisa continuidade de alguns nomes.

Em meio à reestruturação que o departamento de futebol vem implementando, há um debate sobre a permanência de parte do plantel. Com um orçamento enxuto, o clube busca conter gastos e montar um grupo dentro de um perfil desenhado visando a Série B do Campeonato Brasileiro.

Envolvido em uma negociação junto ao Santa Cruz, Warley tem contrato até o fim de 2021 e, inicialmente, deve estar à disposição neste começo de temporada, mas há ainda avaliações futuras. O jogador, por sua vez, demonstra vontade de ficar em General Severiano e participar da reconstrução do clube.

"Eu queria dizer que eu amo este clube e queria muito ficar aqui. Reconstruir e recolocar o Botafogo no seu devido lugar. Essa partida de hoje foi de bicho arretado. Todo grupo está de parabéns", disse o camisa 25, que sofreu a falta que gerou a expulsão de Reinaldo e deu a assistência para o gol de Matheus Babi.

Warley chegou no começo do ano passado e, ao longo da temporada, participou de 18 jogos, fazendo um gol — na derrota para o Fortaleza.

Ao longo das últimas semanas, a cúpula do Glorioso vem realizando mudanças no elenco e alguns integrantes já foram comunicados que não fazem mais parte dos planos. Outros não terão os contratos renovados ao fim do Brasileiro.

Uma barca deve deixar o Botafogo que, ao mesmo tempo, analisa o mercado da bola e busca reforços. O primeiro, inclusive, já foi anunciado. Trata-se de Ronald, atacante que atua pelas pontas, posição que foi apontada com uma das mais carentes no decorrer da campanha que culminou na queda.

"Já venho conversando desde sexta-feira com o [Eduardo] Freeland [diretor de futebol] sobre montagem do elenco. Já iniciamos esse processo e tratando em relação à permanência de atletas, nomes para contratar, concretização de algumas conversas que o clube já tinha iniciado... Tenho um bom conhecimento de mercado, e esse foi um dos motivos de a diretoria buscar o meu nome. Iniciei a temporada na Série B e terminei na Série A, então conheço bem a realidade das duas competições", afirmou Marcelo Chamusca, na coletiva de apresentação.

Botafogo