PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Só Inter e Flamengo dependem de si para ser campeão brasileiro

Internacional retomou favoritismo pelo título do Brasileirão - Fernando Alves/AGIF
Internacional retomou favoritismo pelo título do Brasileirão Imagem: Fernando Alves/AGIF

Do UOL, em São Paulo

22/01/2021 04h00

Classificação e Jogos

Flamengo e Internacional foram os grandes vitoriosos da rodada de confrontos diretos pelo título do Campeonato Brasileiro. Ao vencerem Palmeiras e São Paulo, respectivamente, rubro-negros e colorados se tornaram os únicos times que dependem apenas de seus resultados para levantar a taça.

A vantagem hoje é do Internacional. Ao fazer 5 a 1 sobre o São Paulo, no Morumbi, o time de Abel Braga voltou à liderança depois de 11 rodadas. O time colorado, que foi uma das sensações do primeiro turno, caiu de rendimento na segunda metade do torneio, despencou para o sexto lugar, mas se reconstruiu. Com sete triunfos seguidos, ultrapassou a concorrência para retomar o favoritismo.

O caminho para o título, que não fica no Beira-Rio desde 1979, tem alguns obstáculos severos. O primeiro deles está na próxima rodada, quando o Inter joga em casa contra o Grêmio, outro aspirante à conquista, no domingo (24). O Colorado não vence o clássico estadual desde setembro 2018. O tabu tem 11 partidas, com seis vitórias tricolores e cinco empates.

O Inter tem outro confronto direto na briga pelo título. Na penúltima rodada, o Colorado joga fora de casa contra o Flamengo. E é justamente esse duelo que deixa o time rubro-negro dependente apenas de seus resultados para conquistar o bicampeonato nacional.

Ao derrotar o Palmeiras por 2 a 0, nesta quinta (21), em Brasília (DF), o Flamengo subiu para o terceiro lugar, com 55 pontos. Como também tem uma partida a menos - contra o Grêmio referente à 23ª rodada - o time dirigido por Rogério Ceni pode superar os dois adversários que estão à sua frente na tabela de classificação (Inter e São Paulo).

Mas, da mesma forma que ocorre com o Internacional, o Flamengo também tem confrontos diretos importantes pela frente. Depois de enfrentar o Inter na penúltima rodada, os rubro-negros encaram o São Paulo, no Morumbi, no desfecho do Brasileirão. Em seus últimos oito jogos, o Flamengo também tem um clássico agendado - contra o Vasco, no dia 4 de fevereiro.

Outro time em alta na disputa pelo título é o Atlético-MG. A equipe de Jorge Sampaoli desperdiçou no fim a chance de derrubar uma longa invencibilidade do Grêmio, mas o empate por 1 a 1, em Porto Alegre (RS), nesta quarta (20), deixou o time a cinco pontos do líder e com uma partida a menos.

Mesmo que vença o Santos, em jogo adiado da 28ª rodada e que está remarcado para o próximo dia 26, o Atlético-MG ainda não dependerá apenas de seus resultados, já que não enfrentará mais Inter e Flamengo até o fim do Brasileirão. Seu único confronto direto com os concorrentes ao título do momento será contra o Palmeiras, em casa, na última rodada.

O maior derrotado da 31ª rodada foi o São Paulo. O time tricolor perdeu a liderança para o Internacional depois de quase dois meses no topo do Brasileirão. A goleada sofrida em casa escancarou o péssimo momento da equipe de Fernando Diniz, que só ganhou um ponto nos últimos 12 disputados.

Além de perder a liderança, o São Paulo também não depende mais de seus resultados para faturar o heptacampeonato, já que não tem mais um confronto direto com o Inter. Em seus últimos oito jogos, o Tricolor tem agendado duelos importantes contra Palmeiras, Grêmio e Flamengo.

Entre os candidatos ao título, dois ficaram para trás. O Palmeiras estacionou nos 51 pontos após a derrota para o Flamengo. E mesmo com um jogo a menos (a ser disputado contra o Vasco em casa), o time de Abel Ferreira ainda precisaria "secar" bastante os times da dianteira para buscar seu 11º título brasileiro. Para complicar, o Verdão tem outras preocupações pela frente, como as finais da Libertadores e da Copa do Brasil.

Já o Grêmio ostenta uma longa invencibilidade, mas a falta de vitórias nas últimas três rodadas fez os gaúchos se distanciarem da ponta. O Tricolor soma 51 pontos depois dos empates contra Palmeiras e Atlético-MG. Até o fim do Brasileirão, ainda jogará contra Internacional, São Paulo e Flamengo entre os times que estão à sua frente.

Futebol