PUBLICIDADE
Topo

Flamengo

STJD marca datas para ouvir Gerson, BH, Ramírez e Mano sobre denúncia

Gerson, do Flamengo, disputa bola com Ramírez, do Bahia, em partida do Brasileirão - Alexandre Vidal/Flamengo
Gerson, do Flamengo, disputa bola com Ramírez, do Bahia, em partida do Brasileirão Imagem: Alexandre Vidal/Flamengo

Do UOL, em São Paulo

20/01/2021 12h47

Classificação e Jogos

O STJD divulgou, no início da tarde de hoje, as datas para ouvir os envolvidos na confusão da última partida entre Flamengo e Bahia, válida pelo Campeonato Brasileiro, que culminou na denúncia de racismo por parte do volante Gerson, da equipe carioca, contra o colombiano Ramírez, do time nordestino.

Sorteado para conduzir o inquérito, o auditor Maurício Neves Fonseca agendou as oitivas para os dias 25 de janeiro e 3 de fevereiro.

Ele determinou que, além de Ramírez e Gerson, outras pessoas se manifestem ao tribunal: Bruno Henrique, Natan e Mano Menezes - os dois flamenguistas e o ex-treinador do Bahia também participaram diretamente da polêmica. Os árbitros e o delegado da partida também foram convocados.

No dia 25, Fonseca vai ouvir Mano e toda a equipe de arbitragem do jogo, além do próprio delegado escalado pela CBF. Os depoimentos devem acontecer na sede do STJD, às 11h.

Já no dia 3, às 10h30, é a vez de os três jogadores do Flamengo envolvidos darem suas versões sobre o fato. Um pouco mais tarde, às 14h30, Ramírez finaliza a sequência de manifestações. Todos eles também devem estar presentes na sede da entidade.

"Por determinação do auditor Maurício Neves Fonseca o inquérito seguirá em sigilo e somente após a conclusão serão divulgadas informações", concluiu o STJD.

Flamengo