PUBLICIDADE
Topo

Supercopa da França - 2020

Neymar marca na volta, PSG vence Marselha e fatura Supercopa da França

Neymar comemora gol do PSG contra o Olympique de Marselha, pela Copa da França - AFP
Neymar comemora gol do PSG contra o Olympique de Marselha, pela Copa da França Imagem: AFP

Do UOL, em São Paulo

13/01/2021 18h59

Classificação e Jogos

Na volta de Neymar, o PSG superou o Olympique por 2 a 1 na tarde de hoje e conquistou a Supercopa da França. O jogo foi realizado no Bollaert-Delelis, em Lens.

Após um mês de ausência por conta de lesão, Neymar começou a partida no banco de reservas. O craque foi acionado na segunda etapa e marcou, de pênalti, o gol que garantiu o título do Paris Saint-German. Antes, Icardi havia inaugurado o placar e Payet descontou.

Este é o primeiro título de Mauricio Pochettino no comando do PSG. Ele assumiu a equipe em janeiro, após a saída de Thomas Tuchel.

O PSG inaugurou o placar aos 40 minutos do primeiro tempo. Di María deu um lançamento milimétrico para Icardi na área. O camisa 9 cabeceou, Mandanda pegou e largou e a bola bateu na trave. O próprio Icardi foi lá para conferir o rebote para colocar a equipe em vantagem.

O segundo veio já no fim do confronto. Aos 40 da etapa final, Neymar cobrou o pênalti com muita categoria, do seu lado direito, e só deslocou o goleirão. Sem chance nenhuma de defesa,

O Olympique ainda teve tempo de descontar com Dimitri Payet , aos 45 minutos do segundo tempo. Ele aproveitou o cruzamento rasteiro de Thauvin e finalizou de primeira, cruzado, sem chances para Navas.

FICHA TÉCNICA
PSG 2 X 1 OLYMPIQUE DE MARSELHA

Local: Bollaert-Delelis, Lens

Data: 13 de janeiro de 2021, quarta-feira

Horário: 17h (de Brasília)

Cartões amarelos: Kylian Mbappé (PSG); Álvaro González, Pol Lirola, Yuto Nagatomo e Nemanja Radonjic (Olympique)

Gols: Mauro Icardi, aos 40 minutos do primeiro tempo e Neymar, aos 40 minutos do segundo tempo (PSG);Dimitri Payet, aos 45 minutos do segundo tempo (Olympique)

PSG: Keylor Navas; Marquinhos, Abdou Diallo, Layvin Kurzawa; Alessandro Florenzi, Marco Verratti, Leandro Paredes, Ander Herrera, Ángel Di María; Kylian Mbappé, Mauro Icardi. Técnico: Mauricio Pochettino.

OLYMPIQUE: Steve Mandanda; Hiroki Sakai, Álvaro González, Duje Caleta-Car, Yuto Nagatomo, Boubacar Kamara; Pape Gueye, Valentin Rongier, Nemanja Radonjic, Florian Thauvin; Dimitri Payet. Técnico: André Villas-Boas.

Este conteúdo foi gerado pelo sistema de produção automatizada de notícias do UOL e revisado pela redação antes de ser publicado.