PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Presidente do River pede para que Gallardo 'fique por toda a vida'

Marcelo Gallardo, técnico do River Plate, usa máscara na partida contra o São Paulo na Libertadores - Marcelo Endelli/Reuters
Marcelo Gallardo, técnico do River Plate, usa máscara na partida contra o São Paulo na Libertadores Imagem: Marcelo Endelli/Reuters

Colaboração para o UOL, em São Paulo

13/01/2021 16h40

Após a eliminação na semifinal da Libertadores da América para o Palmeiras, o futuro de Marcelo Gallardo ficou em aberto no River Plate.

Durante a entrevista coletiva, o treinador não entrou no assunto, mas o presidente da equipe, Rodolfo D'Onofrio fez questão de falar sobre o tema em entrevista para a ESPN F90.

"Está nele (a decisão), é ele quem sempre toma as decisões. Só quero que ele continue por toda a vida. É uma decisão pessoal. Ele tem um contrato em que pode tomar a decisão de sair. Para mim, como presidente, eu tenho mais um ano restante e quero que ele fique", disse ele.

Desde 2014 no comando do River Plate, o ex-jogador já anotou conquistas expressivas, como duas Libertadores da América, uma Sul-Americana, três Recopas, três Copas da Argentina e outros troféus, totalizando um número de 60.89% de aproveitamento no comando do time argentino.

Após o apito final no Allianz Parque ontem, Gallardo não deu indícios de que pensa em uma possível mudança em sua carreira. Rápido e enfático, o profissional fez questão apenas de parabenizar seus comandados pela entrega durante os 90 minutos finais da semifinal do torneio sul-americano.

"Venho aqui reconhecer e valorizar minha equipe e meus jogadores, que me fizeram sentir representado em campo, me emocionaram pela forma como jogaram. Estou orgulhoso pela postura como eles enfrentaram a partida. Saio daqui com uma sensação plena, ao olhar a forma como a equipe jogou e me sentir representado", disse ele, que completou:

"Eu os agradeço pela partida. O que vi hoje me faz sentir totalmente orgulhoso e dignifica minha profissão."

Futebol