PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Gallardo se diz orgulhoso do River Plate: 'Saio com a sensação plena'

Marcelo Gallardo comanda o River Plate durante semifinal da Libertadores contra o Palmeiras - Juan I. Roncoroni ? Pool/Getty Images
Marcelo Gallardo comanda o River Plate durante semifinal da Libertadores contra o Palmeiras Imagem: Juan I. Roncoroni ? Pool/Getty Images

Colaboração para o UOL, em São Paulo

13/01/2021 00h54

O River Plate protagonizou uma noite inesquecível de futebol no Allianz Parque. Ao vencer o Palmeiras por 2 a 0, o clube argentino ficou muito perto de conseguir a vaga na final da Libertadores da América, porém, o jogo de ida, que terminou em 3 a 0 para os brasileiros, colocou Abel Ferreira e seus comandados na decisão.

Em entrevista coletiva, Marcelo Gallardo evitou falar sobre polêmicas de VAR, o gol anulado e os pênaltis não marcados. Em tons conclusivos, o comandante argentino fez questão de parabenizar o elenco pela entrega dentro de campo.

"Venho aqui reconhecer e valorizar minha equipe e meus jogadores, que me fizeram sentir representado em campo, me emocionaram pela forma como jogaram. Estou orgulhoso pela postura como eles enfrentaram a partida. Saio daqui com uma sensação plena, ao olhar a forma como a equipe jogou e me sentir representado", disse ele, que completou:

"Eu os agradeço pela partida. O que vi hoje me faz sentir totalmente orgulhoso e dignifica minha profissão."

Por fim, antes de levantar da coletiva e deixar diversas perguntas sem resposta, o ex-jogador desejou boa sorte para o Palmeiras, que após 21 anos voltou para uma final de Libertadores da América: "Desejo sorte ao Palmeiras na final e tomara que tenham um bom ano."

Agora o time de Abel Ferreira aguarda o vencedor de Santos e Boca Juniors nesta quarta-feira, na Vila Belmiro, para definir quem será o seu adversário na decisão que acontecerá no dia 30 de janeiro, no Estádio do Maracanã. A partida de ida terminou em 0 a 0, em Buenos Aires.

Futebol