PUBLICIDADE
Topo

São Paulo

Muricy e Raí reúnem elenco do São Paulo por reação no Brasileiro

Muricy Ramalho, coordenador técnico do São Paulo, se reúne com o elenco - Rubens Chiri / saopaulofc.net
Muricy Ramalho, coordenador técnico do São Paulo, se reúne com o elenco Imagem: Rubens Chiri / saopaulofc.net

Thiago Fernandes

Do UOL, em São Paulo

12/01/2021 12h00

Classificação e Jogos

A diretoria do São Paulo se reuniu com o elenco comandado por Fernando Diniz na manhã de hoje (12), durante o treino no CT da Barra Funda. O coordenador de futebol Muricy Ramalho e o executivo Raí falaram com os atletas a fim de motivá-los na reta final do Campeonato Brasileiro e também cobrá-los por melhores resultados. Os discursos foram amenos e seguiram uma linha de incentivo.

Raí foi o primeiro a se manifestar no encontro com os atletas antes da atividade programada para as 9h30 (de Brasília) de hoje. O executivo de futebol são-paulino fez uma cobrança ao elenco, mas reforçou que a sua confiança, sobretudo pelo fato de a equipe estar na liderança do Brasileirão, com 56 pontos, três a mais que o Internacional, segundo colocado.

Muricy Ramalho se pronunciou na sequência. O ex-treinador explicou qual será a sua função na gestão do presidente Julio Casares e fez um discurso com o mesmo teor de Raí, mesmo que tenha as suas particularidades em momentos de cobrança.

A atuação de Muricy Ramalho ao lado do elenco foi antecipada pelo UOL Esporte na manhã de hoje. A reportagem apurou que já estava marcado o encontro do coordenador técnico de futebol com os comandados de Fernando Diniz com o intuito de detectar eventuais problemas e cobrar uma melhora de produtividade no dia a dia. O Tricolor paulista venceu dois de seus últimos cinco jogos no Brasileirão. Ainda foram três derrotas nos outros compromissos. A equipe também foi eliminada pelo Grêmio na semifinal da Copa do Brasil.

Nos primeiros dias à frente do novo cargo, Muricy pouco conversou com o elenco. O coordenador técnico havia mantido mais contato com o treinador Fernando Diniz e seus auxiliares. A intenção era fazer uma transição mais tranquila e evitar influência nos bastidores de uma campanha considerada positiva. A sua aparição neste momento é para auxiliar o plantel a conter uma eventual crise.

São Paulo