PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Guardiola diz: não foi convidado para grupo de mensagens do Barça de 1992

O técnico do Manchester City, Pep Guardiola, é o único do elenco do Barcelona de 1992 fora do grupo de WhatsApp - SHAUN BOTTERILL
O técnico do Manchester City, Pep Guardiola, é o único do elenco do Barcelona de 1992 fora do grupo de WhatsApp Imagem: SHAUN BOTTERILL

Do UOL, em São Paulo

06/01/2021 09h25Atualizada em 06/01/2021 14h47

Classificação e Jogos

O técnico do Manchester City, Pep Guardiola, disse que não foi convidado para participar de um grupo no WhatsApp formado por jogadores do Barcelona e da seleção olímpica da Espanha de 1992. Ele respondeu a uma declaração do colega Santiago Cañizares.

Cañizares disse em uma entrevista que o grupo é formado por jogadores do Barça e dos Jogos Olímpicos de 1992, menos Guardiola. "Porque ele é o cara mais famoso do momento e eu entendo que ele não é de besteiras", explicou o ex-atleta.

Guardiola respondeu o colega em um documentário chamado "Play it again, Pep". Ele disse que nem chegou a ser convidado para participar do grupo de mensagens.

"Em Barcelona, 1992, formamos um grupo incrível que eu sei que se reúne no WhatsApp, mas como nunca tive... Cañizares, desculpe, mas você não me convidou, Não é que eu não queira estar lá, descobri agora", contou o treinador.

"Embora os grandes Alfonso e Cañizares, colegas da época, agora sejam muito críticos porque joguei com a seleção nacional. Me diverti muito e tentei dar o meu melhor", disse ele.

Em 1992, além das Olimpíadas, Guardiola disputou o Mundial de Clubes pelo Barcelona contra o São Paulo e perdeu de 2 (Raí) a 1 (Stoichkov). Com o resultado, o time brasileiro comandado por Telê Santana conquistou a competição pela primeira vez.

Esporte