PUBLICIDADE
Topo

Futebol

'Vontade era gritar', diz Marivaldo, ganhador do Fifa Fan Award 2020

Do UOL, em São Paulo

17/12/2020 21h40

Torcedor fanático pelo Sport, Marivaldo Francisco da Silva jamais imaginaria que sua caminhada de 60 km, por cerca de 12 horas, desde a cidade de Pombos, no interior de Pernambuco, a Recife, para assistir a um jogo, renderia um reconhecimento tão importante.

Hoje, no The Best 2020, Marivaldo levou o Fifa Fan Award, desbancando o escocês James Anderson, filantropo que doou milhões para ajudar clubes, e um grupo de torcedores colombianos que se uniram para distribuir comida durante a pandemia do coronavírus.

Ao canal oficial do Sport, Marivaldo detalhou a emoção que sentiu ao ouvir seu nome. "Primeiro que eu nunca tinha passado por uma situação dessa. Quando eu vi a foto do senhor [o outro concorrente] fiquei: 'Pronto, vai ser ele'. Daqui a pouco, ela passou e disse 'Marivaldo Francisco da Silva'. Pronto. Só emoção. Alegria. Minha vontade era vibrar, gritar, correr. Ao ponto de muita gente me pedir calma, eu me conter um pouco. A alegria é imensa", disse.

Ele conta que demorou para conseguir se acalmar. "A ficha caiu, o corpo já está se tranquilizando, mas abalou meu emocional. Não esperava jamais que uma simples matéria ia ter uma proporção dessa. (...) Na realidade isso para mim é um mundo novo. Como eu já disse, não fiz nessa intenção, mas Deus me proporcionou. Fui escolhido internacionalmente, não foi um título qualquer, representei várias instituições, várias pessoas, só tenho que agradecer a Deus e a todos", concluiu.

Futebol