PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Santos e Palmeiras empatam em clássico movimentado na Vila

Do UOL, em São Paulo

05/12/2020 19h09

Classificação e Jogos

Santos e Palmeiras empataram por 2 a 2, hoje (5), na Vila Belmiro, pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro. Em um confronto direto pelas primeiras colocações, o clássico foi bastante movimentado, com domínio de ambos os times e terminou com um resultado justo. Diego Pituca e Marinho marcaram para os alvinegros, e Raphael Veiga e Willian anotaram para os alviverdes.

Com o resultado, Santos e Palmeiras chegaram aos 38 pontos, ocupando quinta e quarta colocação, respectivamente. No entanto, ambos os times correm risco de terminar a rodada fora da zona de classificação para a Libertadores.

Na próxima rodada, o Santos enfrenta o Flamengo, no Maracanã, no domingo (13), enquanto o Palmeiras recebe o Bahia no dia anterior, no Allianz Parque. Antes disso porém, alvinegros e alviverdes atuarão pelas quartas de final da Libertadores. O Santos pega o Grêmio, em Porto Alegre, na quarta-feira (9), e o Palmeiras encara o Libertad-PAR, em Assunção, na terça (8).

O MELHOR

Diego Pituca é um jogador que aparece pouco e executa diversas funções em campo. Atuando mais à frente, ele fez um gol de centroavante que abriu o placar no clássico. Além de comandar a saída de bola do Santos, apareceu na hora certa para concluir uma assistência de Kaio Jorge.

O PIOR

Alan Empereur não conseguiu dar conta do lado direito do ataque santista. Não soube segurar a velocidade de Marinho e ainda falhou no segundo gol ao não impedir a finalização do atacante dentro da área.

DONO DOS CLÁSSICOS

Depois de perder uma grande chance na primeira etapa, Willian se redimiu no segundo tempo e ampliou a vantagem como o maior artilheiro em clássicos deste elenco do Palmeiras. Ele fez o sétimo em 34 jogos contra Corinthians, São Paulo e Santos. Foram quatro sobre o Tricolor e agora três diante do Peixe -além disso, o camisa 29 deu seis assistências contra os maiores rivais do Verdão.

SEGUE O JEJUM

O Santos termina 2020 sem ganhar clássicos. Com a igualdade em 2 a 2, a equipe alvinegra soma quatro empates e três derrotas na temporada. O time ainda enfrentará São Paulo e Corinthians pelo Brasileirão, mas os confrontos só acontecerão em 2021. Ao todo, já são nove jogos consecutivos sem vitória santista diante de seus arquirrivais estaduais -três derrotas e seis empates.

APAGÃO NA VILA

Uma falha no sistema de iluminação deixou o estádio santista às escuras no intervalo. Com os jogadores em campo para o segundo tempo, foram 15 minutos de atraso até o reinício da partida.

ARTILHEIRO ALVIVERDE

Destaque do Palmeiras desde que Abel Ferreira foi contratado como treinador, Raphael Veiga não fazia um bom jogo na Vila Belmiro e pouco ajudou na criação de jogadas ofensivas. Mas quando foi chamado, marcou um gol de pênalti para decretar o empate no início do segundo tempo. Foi o sétimo gol dele no Brasileirão, igualando-se a Luiz Adriano. Ele tem 14 gols em 2020.

O JOGO

O Palmeiras começou a partida em cima, marcando pressão na defesa do Santos e se manteve melhor até os 20 minutos. Nesse período, um chute de Emerson Santos obrigou John a espalmar para escanteio.

A partir daí, o Santos dominou até o intervalo, especialmente pelo lado direito, com Marinho. De tanto insistir, veio o primeiro gol aos 37 minutos. Marinho foi lançado por Pará e tocou na ponta para Kaio Jorge cruzar e Diego Pituca desviar para o gol.

Após um apagão nos refletores no intervalo, o Palmeiras voltou melhor. E antes que o Santos reagisse, saiu o primeiro gol alviverde. Em um lance de escanteio, o VAR marcou pênalti por um toque de mão de Lucas Veríssimo. Raphael Veiga cobrou e marcou.

O Palmeiras chegou à virada graças a um novo lance de escanteio. Lucas Lima cobrou da esquerda, Alan Empereur desviou, e Willian se antecipou à marcação para anotar. O goleador alviverde já estava preparado para ser substituído.

O Santos, porém, não se entregou e seguiu apostando em suas armas ofensivas. Em uma dessas jogadas, Marinho ganhou lance de Alan Empereur dentro da área e soltou o "mini míssil" no canto direito de Weverton, decretando o empate no clássico.

SANTOS 2 X 2 PALMEIRAS

Motivo: 24ª rodada do Campeonato Brasileiro
Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data: 05 de dezembro de 2020, sábado
Horário: 17h (de Brasília)
Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza (SP)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Neusa Ines Back (SP)
VAR: Jose Claudio Rocha Filho (SP)
Cartões amarelos: Soteldo, Diego Pituca e Lucas Veríssimo (Santos); Lucas Lima, Mayke e Emerson Santos (Palmeiras)
Cartão vermelho: Zé Rafael (Palmeiras)

Gols: Diego Pituca, aos 37min do primeiro tempo, e Marinho, aos 26min do segundo tempo (Santos); Raphael Veiga, aos 10min, e Willian, aos 18min do segundo tempo (Palmeiras)

SANTOS: John; Pará, Lucas Veríssimo, Luan Peres, Felipe Jonatan; Alison (Vinícius Balieiro), Diego Pituca, Soteldo; Marinho, Kaio Jorge, Lucas Braga (Bruno Marques). Técnico: Cuca

PALMEIRAS: Weverton; Mayke, Luan, Alan Empereur (Kuscevic), Viña; Emerson Santos, Zé Rafael, Raphael Veiga, Lucas Lima (Breno Lopes); Gabriel Veron, Willian (Gabriel Silva). Técnico: Vitor Castanheira (auxiliar)

Futebol