PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Trajano: "0 a 0 é difícil, mas quando tem o Corinthians envolvido é pior"

Do UOL, em São Paulo

03/12/2020 04h00

Classificação e Jogos

Diante do Fortaleza, no Castelão, o Corinthians não conseguiu uma boa atuação e ficou no empate sem gols com a equipe anfitriã, em um jogo com poucas alternativas ofensivas apresentadas pelos respectivos nono e décimo colocados do Campeonato Brasileiro.

No Fim de Papo, live pós-rodada do UOL Esporte — com os jornalistas Isabella Ayami, Marília Ruiz e Danilo Lavieri —, José Trajano afirma que os jogos em 0 a 0 quando envolvem o Corinthians têm sido piores pela falta de emoção e jogadas criadas.

"Olha, 0 a 0 já é difícil, seja qual for o 0 a 0 que a gente tem pela frente, mas quando tem o Corinthians envolvido então, é um 0 a 0 mais complicado ainda, porque não deslancha. O melhor em campo, para ter uma ideia, foi o Cássio, que salvou algumas oportunidades, também poucas, não foram tantas assim que o Fortaleza criou", diz Trajano.

"Foi um jogo do nono contra o décimo e eles jogaram exatamente do nono contra o décimo, só teve emoção no jogo no final da partida, quando os jogadores resolveram criar um pouco de pupilato, de UFC, de brigar, mas foi muito fraco o jogo, eu achei o Fortaleza melhor nos dois tempos, o Corinthians tentou mudar alguma coisa", completa.

Trajano critica a qualidade dos jogadores do Corinthians e lamenta pela temporada do clube paulista com o que se tem projetado até o momento, com o time conseguindo se manter afastado da zona do rebaixamento, mas sem poder vislumbrar posições mais acima na classificação.

"Corinthians e Fortaleza, eu não esperava também um jogo melhor do que isso. Hoje foi a prova concreta, mais uma vez, que o time é muito ruim, tem jogadores que entram em campo e não entram, o Cazares, por exemplo, é uma brincadeira, entra no final e não faz rigorosamente nada, o Otero o pessoal fica na expectativa que ele vai bater uma falta lá do meio de campo e fazer um gol antológico, coisa que ele não vai conseguir", diz Trajano.

"Triste Corinthians nessa temporada. O Fortaleza é isso aí mesmo, até tem umas nuances interessantes com o Osvaldo, que a gente conhece bem, aquelas arrancadas dele em que faz tudo certinho e na hora de matar a jogada ele erra. O que eu tenho para dizer é que foi um 0 a 0 a contento", conclui.

Futebol