PUBLICIDADE
Topo

Cruzeiro

"Vagabundo, precisa levar tapas", diz dirigente do América-MG a juiz

Membro da diretoria do América-MG protagonizou confusão com arbitragem no estádio Independência - Fernando Moreno/AGIF
Membro da diretoria do América-MG protagonizou confusão com arbitragem no estádio Independência Imagem: Fernando Moreno/AGIF

Do UOL, em Belo Horizonte

02/12/2020 23h57

Classificação e Jogos

A derrota do América-MG por 2 a 1 para o Cruzeiro, no Independência, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, gerou revolta nos dirigentes do clube. Tudo por causa da atuação do árbitro Dewson Freitas. Os americanos reclamam de erros da arbitragem pela não marcação de pênalti no começo do jogo a favor do Coelho e, também, pela penalidade assinalada a favor do Cruzeiro também na etapa inicial.

Ao fim do confronto, um membro da delegação americana partiu para cima do árbitro, precisou ser contido, e agrediu o profissional com duras palavras.

"Vagabundo, ladrão, safado. Isso não vai ficar assim, seu juiz de várzea. Vagabundo, isso não vai ficar assim, você tem que tomar uns tapas", xingou.

A confusão aconteceu na saída do gramado em um local estratégico e que fica em frente aos vestiários no estádio Independência.

Cruzeiro