PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Ricardo Rocha: Brasileirão é muito pouco para o que o Flamengo gastou

Do UOL, em São Paulo

02/12/2020 04h00

Classificação e Jogos

O Flamengo dominou o futebol brasileiro na última temporada e ainda conquistou a Libertadores sob o comando de Jorge Jesus, e o time para 2020 ganhou reforços importantes para o elenco, mas não conseguiu repetir o sucesso e caiu já nas oitavas de final da competição continental ao perder nos pênaltis para o Racing, em pleno Maracanã.

No Fim de Papo, live pós-rodada do UOL — com Luiza Oliveira, Mauro Beting, Renato Maurício Prado e Rodrigo Mattos — o ex-jogador e atualmente comentarista Ricardo Rocha afirma que o Flamengo precisa repensar os erros que cometeu na temporada atual e considera que mesmo no caso de repetir o título brasileiro este ano será pouco pelo que foi investido pelo clube.

"O Flamengo tem que repensar muitas coisas. Tudo bem, tem a pandemia, tem muitos problemas de covid, volta a segunda leva agora, todo mundo preocupado, mas o Flamengo não se encontrou esse ano. Depois da pandemia o Flamengo vem jogando muito mal", avalia Ricardo.

"Eu acho que o Jesus colocou um time que a gente respeita, um time que vai para a frente, que busca o gol. Olha, eu acho que isso não vai acontecer mais não, o que a gente viu do treinador, eu acho que nenhum treinador, nem Rogério e nem ninguém vai conseguir fazer o que ele fez, então mostra a força dele nessa equipe do Flamengo", completa.

Na opinião do ex-zagueiro, o Flamengo vai sofrer na temporada e terá a pressão da torcida depois de ter sua segunda eliminação seguida em pouco tempo, tendo um elenco que gerava grandes expectativas para a temporada.

"Eu acho que o Flamengo vai sofrer. Eles têm por obrigação buscar esse título [brasileiro], caiu hoje da Libertadores o time mais rico, o time que investiu mais, pode ter certeza que o Flamengo é o time que mais investiu e os jogadores que tem, o Flamengo vai encontrar dificuldades e muitas, Copa do Brasil já saiu e agora a Libertadores", cita Ricardo.

"Vamos esperar, aguardar, mas a gente conhece, a torcida do Flamengo vai cobrar, porque é muito pouco um Campeonato Brasileiro para o que se foi construído, para o que se gastou nessa equipe, e tem jogadores que não estão rendendo bem", conclui.

O Fim de Papo volta a ser apresentado na noite desta quarta-feira, logo após a rodada que tem o jogo entre Fortaleza e Corinthians, pelo Campeonato Brasileiro, além do Palmeiras contra o Delfín e o Internacional contra o Boca Juniors, pela Libertadores. O programa será apresentado por Isabella Ayami, com os comentários de Marília Ruiz, José Trajano e Danilo Lavieri.

Futebol