PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Beting: Rogério Ceni demorou para colocar Pedro e errou ao tirar armadores

Do UOL, em São Paulo

02/12/2020 12h00

Classificação e Jogos

Após um primeiro tempo com mais chances criadas e até um princípio de segunda etapa melhor, o Flamengo perdeu o zagueiro Rodrigo Caio, expulso, sofreu o gol na sequência e não conseguiu mais se organizar no jogo em que foi eliminado pelo Racing nos pênaltis. E o técnico Rogério Ceni teve decisões questionadas por alguns torcedores ao sacar os jogadores mais criativos do meio de campo, Arrascaeta e Everton Ribeiro.

No Fim de Papo, live pós-rodada do UOL — com Luiza Oliveira, Renato Maurício Prado, Ricardo Rocha e Rodrigo Mattos — Mauro Beting afirma que Rogério Ceni armou bem o time, mas diz que ele errou nas substituições ao tirar Everton Ribeiro, assim como para colocar Pedro e Diego durante o segundo tempo.

"Acho que ele esperou demais para colocar o Pedro, eu entendo até que esperou demais para colocar o Diego depois, que bateu o escanteio para o gol do Arão, eu acho que ele não poderia ter sacado os armadores e quando sacou, por conta da expulsão, você poderia sacar um deles, mas não tinha como sacar o Everton Ribeiro, que embora estivesse longe do ideal, é o cara para organizar o jogo", afirma Beting.

Mesmo considerando que o treinador não foi bem nas mudanças que fez no time durante a partida, o jornalista afirma que o que atrapalhou mesmo o Flamengo foi a expulsão de Rodrigo Caio, assim como a falha cometida por Gustavo Henrique. E ele também lembra que até agora Ceni teve muito pouco tempo para trabalhar, tendo chegado há poucas semanas na Gávea.

"São tantas em qualidade e quantidade, ainda que longe da forma ideal, que eu acho que o Rogério não fez as boas escolhas, não vou dizer para a escalação inicial, mas depois não, mas aí tem muito da expulsão tola, infantil, teletubbie do Rodrigo Caio e a jogada inominável, mais um erro terrível do Gustavo Henrique para desandar", diz Beting.

"O Rogério tem participação? Tem, mas repito, o jogo começou exatamente quando se completaram três semanas do Rogério Ceni na Gávea, o jogo começou depois de uma semana de trabalho, mas enfim, ainda é pouco tempo", conclui.

O Fim de Papo volta a ser apresentado na noite desta quarta-feira, logo após a rodada que tem o jogo entre Fortaleza e Corinthians, pelo Campeonato Brasileiro, além do Palmeiras contra o Delfín e o Internacional contra o Boca Juniors, pela Libertadores. O programa será apresentado por Isabella Ayami, com os comentários de Marília Ruiz, José Trajano e Danilo Lavieri.

Futebol