PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Jornal argentino faz homenagem emocionante a Maradona: 'Triste realidade'

Do UOL, em São Paulo

25/11/2020 14h55

O jornal argentino Clarín, o primeiro a noticiar a morte do ex-jogador Diego Armando Maradona, fez uma homenagem ao ídolo. Maradona foi um dos maiores atletas da história do futebol e marcou toda uma geração.

"E um dia aconteceu. Um impacto mundial. Uma notícia que marca uma dobra na história. A frase que foi escrita várias vezes mas que foi driblada pelo destino agora faz parte da triste realidade: Diego Armando Maradona morreu", escreveu o jornal.

Maradona morreu na manhã de hoje, aos 60 anos, após sofrer uma parada cardiorrespiratória. Ele estava em sua casa, em Tigre, cidade vizinha de Buenos Aires. A informação foi confirmada pelo biógrafo do jogador.

A saúde de Maradona já estava precária desde o início do mês, quando ele foi operado de um hematoma subdural e depois, por decisão familiar e médica, permaneceu hospitalizado devido a uma "baixa anímica, anemia e desidratação" e um quadro de abstinência devido ao vício em álcool.

Futebol