PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Haaland, Müller e mais: quem foi injustiçado na lista de melhores do mundo?

Comemoração de gol de Haaland viralizou ao longo da última temporada, quando marcou 44 vezes - DeFodi Images/Colaborador
Comemoração de gol de Haaland viralizou ao longo da última temporada, quando marcou 44 vezes Imagem: DeFodi Images/Colaborador

Do UOL, em São Paulo

25/11/2020 11h48

A Fifa divulgou hoje (25) os 11 indicados para o prêmio The Best de melhor jogador do mundo na temporada. Além de nomes recorrentes em premiações, como Messi e Cristiano Ronaldo, a lista tem o atacante brasileiro Neymar, do PSG, e outros personagens que jogam em alto nível na Europa. Mas, é claro, sempre há os injustiçados.

O UOL Esporte fez um breve levantamento e preparou uma lista com outros 11 nomes que poderiam aparecer na lista de candidatos ao The Best, a começar por Haaland, do Borussia Dortmund. O garoto norueguês de 20 anos empilhou artilharias e feitos históricos nos últimos meses, foi eleito como o melhor sub-21 do mundo, mas ficou fora do Top 11 da Fifa.

Em que mundo o garoto goleador do Borussia Dortmund jogou menos bola que Salah ou Cristiano Ronaldo, por exemplo?".
Rafael Reis, colunista do UOL

Em 17 de dezembro, o mundo conhecerá seu melhor jogador entre os seguintes nomes: Thiago Alcântara, Cristiano Ronaldo, De Bruyne, Lewandowski, Mané, Mbappé, Messi, Neymar, Sergio Ramos, Salah e Van Dijk. Os 11 abaixo poderiam estar na lista, mas ficaram na vontade:

Haaland (Borussia Dortmund)

Vencedor do Golden Boy e assediado pelos maiores clubes do mundo, o jovem atacante acumulou a incrível marca de 44 gols marcados, além de dez assistências, em apenas 40 jogos por Red Bull Salzburg e Borussia Dortmund em 2019/2020. Ele é considerado um fenômeno do futebol internacional e continua em alta.

Thomas Müller (Bayern de Munique)

Muller -  Alexander Hassenstein/Getty Images -  Alexander Hassenstein/Getty Images
Imagem: Alexander Hassenstein/Getty Images

A campanha arrasadora do time alemão na última temporada exigia mais do que dois jogadores entre os 11 melhores do mundo. E se fosse para ter mais, o veterano de 31 anos se apresentaria como forte candidato. Mais "arco" do que "flecha", o meia-atacante contribuiu com 14 gols e 26 assistências em 50 partidas na temporada passada.

Neuer (Bayern de Munique)

Aos 34 anos, é outra unanimidade do time alemão. Em 2019/2020 entrou em campo 51 vezes e saiu em 22 sem sofrer gols, os chamados "clean sheets". Nesta temporada são três em 13 exibições.

Kimmich (Bayern de Munique)

Kimmich - Franck Fife/Pool via Getty Images - Franck Fife/Pool via Getty Images
Imagem: Franck Fife/Pool via Getty Images

O meio-campista é outro importante destaque da campanha dos alemães na última temporada, apesar de os números serem mais discretos: sete gols e 17 assistências em 51 partidas. Ele se destaca pela boa leitura de jogo, intensidade e ações coletivas com e sem bola. Ele operou o joelho direito no começo do mês e só volta em 2021.

Benzema (Real Madrid)

Benzema - Oscar Del Pozo/AFP - Oscar Del Pozo/AFP
Imagem: Oscar Del Pozo/AFP

Apesar da eliminação nas oitavas de final da Liga dos Campeões, o time foi campeão espanhol em 2019/2020 e teve o atacante francês como vice-artilheiro. Ao todo, na temporada, foram 27 gols e 11 assistências em 48 partidas. Foi o jogador de junho da La Liga.

Marquinhos (PSG)

É o outro brasileiro que poderia ter chance na lista da Fifa por ter sido finalista da Liga dos Campeões e vencedor de títulos no futebol francês, além da relevância na seleção brasileira campeã da Copa América. Fez 37 jogos pelo PSG em 2019/2020.

Gnabry (Bayern de Munique)

Gnabry - REUTERS/Michael Dalder - REUTERS/Michael Dalder
Imagem: REUTERS/Michael Dalder

Atuando pela direita, foi peça fundamental da grande temporada do time alemão, contribuindo com 23 gols e 14 assistências em 46 partidas. Nesta temporada foi afastado por Covid-19 e só participou de 11 jogos, com quatro gols marcados.

Davies (Bayern de Munique)

Davies - Andreas Gebert/Reuters - Andreas Gebert/Reuters
Imagem: Andreas Gebert/Reuters

Lateral-esquerdo canadense viveu uma incrível temporada de afirmação no futebol alemão. Encerrou com 46 jogos e ainda três gols e dez assistências e ganhou o prêmio de melhor jovem do Campeonato Alemão. Tem 20 anos e também sofre com problemas físicos em 2020/2021.

Immobile (Lazio)

Immobile - Getty Images - Getty Images
Imagem: Getty Images

Apesar da eliminação na fase de grupos da Liga Europa, o time terminou o Campeonato Italiano na quarta posição e fez o artilheiro com 36 gols, à frente de Cristiano Ronaldo. Ao longo da temporada foram 39 gols e ainda oito assistências em 44 partidas.

Lukaku (Inter de Milão)

Foi o terceiro artilheiro do Italiano, atrás de Immobile e CR7 - já o time foi vice-campeão. Ao todo foram 34 gols marcados e mais seis assistências em 51 jogos na temporada 2019/2020. Na nova temporada o belga já tem média de um gol por jogo.

Bruno Fernandes (Manchester United)

Bruno Fernandes - Getty Images - Getty Images
Imagem: Getty Images

Trocou o Sporting pelo United em janeiro deste ano por R$ 260 milhões e acumulou bons números com as duas camisas. Foram impressionantes 27 gols e 22 assistências em 50 jogos divididos pelos dois times. Em 2020/2021 já marcou nove gols.

Pensou em mais alguém? Escreva nos comentários.

Futebol