PUBLICIDADE
Topo

Fluminense

Lucca faz 9º gol olímpico da história do Flu; lista tem Telê, PC Caju e Pet

Lucca comemora gol sobre o Inter, seu primeiro pelo Fluminense e nono olímpico da história do clube - Mailson Santana/Fluminense FC
Lucca comemora gol sobre o Inter, seu primeiro pelo Fluminense e nono olímpico da história do clube Imagem: Mailson Santana/Fluminense FC

Caio Blois

Do UOL, no Rio de Janeiro

23/11/2020 20h15

Classificação e Jogos

Ao empatar o placar na vitória sobre o Internacional pelo Brasileirão, Lucca não só marcou seu primeiro gol com a camisa do Fluminense. O atacante também entrou em uma seleta lista: a dos gols olímpicos da história do Tricolor. São apenas nove, com companhias de dar inveja.

Para balançar as redes direto da marca do escanteio, o camisa 7 contou com a sorte e certa contribuição do goleiro Marcelo Lomba, do Colorado. Ainda assim, ele gravou para sempre seu nome na história do clube ao lado de ídolos como Telê Santana e Paulo Cézar Caju, além de craques como Roger Flores e Petkovic.

ASSISTA: Lucca faz gol olímpico e empata para o Fluminense contra o Inter

"Muito importante marcar na minha primeira partida como titular da equipe e retornar para o pelotão da frente do Campeonato Brasileiro, mas não imaginava, nunca, que fosse desse jeito, com um gol raro de se ver. Com apenas nove na grande história do clube. Fico muito feliz de ter entrado nessa lista com nomes como Telê, Caju, Pet... e também de ter sido um gol que contribuiu para a nossa vitória", disse o atacante Lucca ao site oficial do clube.

O primeiro gol marcado assim aconteceu em 1924, depois que a International Board autorizou que um jogador balançasse as redes em um cobrança de escanteio. Em um amistoso entre Argentina e Uruguai, o atacante argentino Cezário Onzari acertou a meta adversária. Os argentinos, então, passaram a chamar o lance de "gol olímpico" para ironizar seus rivais, conhecidos como Celeste Olímpica após terem vencido as Olimpíadas de Paris, no mesmo ano.

No Flu, a primeira vez que um jogador marcou um gol olímpico aconteceu apenas em 1939, quando o ponta direita Pedro Amorim cobrou escanteio direto para a rede do rival America na vitória do Tricolor por 4 a 2 no clássico.

Três anos depois, o Diabo foi vítima mais uma vez: Rodrigues, o Tatu — segundo jogador que mais fez gols de falta com a camisa do Fluminense (13) —, balançou a rede americana, mas o Tricolor acabou derrotado por 3 a 1.

Depois, vários nomes conhecidos como Telê Santana, Paulo Cézar Caju e Petkovic — o único a anotar duas vezes desse jeito — também anotaram gols olímpicos pelo Flu. O último havia sido com Sornoza, pela Copa Sul-Americana, em 2 de agosto de 2018, no Maracanã, aos 48 minutos do segundo tempo para fechar o placar de 2 a 0 sobre o Defensor.

Confira a lista com todos os gols olímpicos do Fluminense:

Pedro Amorim - Fluminense 4 x 2 América (Campeonato Carioca de 1939)
Rodrigues Tatu - América 3 x 1 Fluminense (Campeonato Carioca de 1946)
Telê Santana - Fluminense 3 x 3 Botafogo (Campeonato Carioca de 1954)
Paulo Cézar Caju - Cruzeiro 1 x 2 Fluminense (Campeonato Brasileiro de 1975)
Roger Flores - Palmeiras 2 x 6 Fluminense (Campeonato Brasileiro de 2001)
Petkovic - Grêmio 4 x 4 Fluminense (Campeonato Brasileiro de 2006)
Petkovic - Fluminense 2 x 2 São Caetano (Campeonato Brasileiro de 2006)
Sornoza - Fluminense 2 x 0 Defensor (Copa Sul-Americana 2018)
Lucca - Internacional 1 x 2 Fluminense (Campeonato Brasileiro de 2020)

Fluminense