PUBLICIDADE
Topo

Santos

Santos enfrenta Athletico-PR de Autuori para relembrar 'vítimas' de Peres

William Thomas, Superintendente de Futebol do Santos - Ivan Storti/Santos FC
William Thomas, Superintendente de Futebol do Santos Imagem: Ivan Storti/Santos FC

Eder Traskini

Colaboração para o UOL, em Santos

21/11/2020 04h00

O duelo entre Santos e Athletico-PR na noite de hoje (21), às 19h, na Arena da Baixada, reserva o reencontro entre o Peixe e os últimos dois dirigentes que deixaram o clube por conflitos com o presidente José Carlos Peres antes do mandatário ser afastado do clube após o Conselho Deliberativo aprovar abertura de processo de impeachment.

Tanto Paulo Autuori, atual técnico do Furacão, quanto William Thomas, que integra a diretoria do clube paranaense, passaram pelo cargo de Superintendente de Futebol em 2019 no Peixe. Ambos pediram demissão após episódios ligados a Peres.

Os dois citaram incompatibilidade de ideias com o presidente José Carlos Peres. Antes deles, outros profissionais passaram pelo cargo, mas nenhum ficou por muito tempo: Gustavo Vieira (demitido), Ricardo Gomes (aceitou proposta da França) e Renato (mudou de função dentro do clube após problemas pessoais).

"Costumo dar minha opinião sobre temas ligados ao futebol. Quando sinto que esses temas são colocados pela figura máxima da instituição de uma maneira que não concordo, por ter visão completamente distinta, volto ao último papo com vocês. Usei o termo incomodado. E decisão é essa. Adoro os funcionários, sei que estamos fazendo coisas, mas não posso entender determinados conceitos, falta de estratégia e isso é claro. Eu estarei até dezembro fazendo meu trabalho, mês que vem. Eu particularmente já defini. Eu me propus vir aqui poucas vezes e já vim três. Não quero vir mais."
Autuori, três dias antes do Peixe oficializar a saída

"Cheguei ao Santos Futebol Clube em agosto de 2019. E hoje, pouco mais de um ano depois, me despeço. Decidi deixar o clube por incompatibilidade de ideias do que acredito ser correto nos projetos de futebol, mas mantenho grande sentimento de orgulho por ter feito parte de sua enorme história."
Thomas, em sua despedida

Após a saída de William Thomas, Jorge Andrade, gerente das categorias de base, acumulou a função de Superintendente por alguns meses até José Carlos Peres ser afastado e Orlando Rollo, atual presidente em exercício, contratar Felipe Ximenes para a função.

Ao contrário de Thomas e Autuori, que pediram demissão e só depois acabaram acertando com o Athletico-PR, outro dirigente que fez parte da gestão Peres está hoje no clube paraense, mas aceitou diretamente a oferta do Furacão para deixar o Peixe: Rodrigo Gama. No Santos, ele era diretor jurídico e muitas vezes foi considerado braço direito do presidente.

O mandatário está afastado do clube desde o final de setembro e terá seu futuro definido amanhã (22) em Assembleia Geral de Sócios, onde os associados votarão a favor ou contra o impeachment de Peres.

FICHA TÉCNICA

Athletico-PR x Santos

Competição: Campeonato Brasileiro - 22ª rodada
Data: 21/11/2020 (sábado)
Horário: 21h (de Brasília)
Local: Arena da Baixada, em Curitiba-PR
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (RJ) e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ)
VAR: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)

ATHLETICO: Santos; Erick, Pedro Henrique, Thiago Heleno (Zé Ivaldo) e Abner; Wellington, Christian e Fernando Canesin; Nikão (Fabinho), Reinaldo e Kayzer. Técnico: Paulo Autuori

SANTOS: João Paulo (John); Pará, Laércio, Luiz Felipe e Wagner Leonardo; Vinicius Balieiro, Ivonei e Felipe Jonatan; Marinho, Soteldo (Lucas Braga) e Kaio Jorge. Técnico interino: Marcelo Fernandes

Santos