PUBLICIDADE
Topo

Vasco

Chapas de Salgado e Brant mantêm diálogo em 'nova fase' do pleito do Vasco

Candidatos Jorge Salgado, da "Mais Vasco", e Julio Brant, da "Sempre Vasco", posam para fotos em clima harmônico - Alexandre Araújo / UOL Esporte
Candidatos Jorge Salgado, da "Mais Vasco", e Julio Brant, da "Sempre Vasco", posam para fotos em clima harmônico Imagem: Alexandre Araújo / UOL Esporte

Alexandre Araújo e Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

17/11/2020 04h00

A nova fase da eleição do Vasco — em que se aguarda uma definição da Justiça — coloca em lados opostos apenas Leven Siano, da chapa "Somamos", e Jorge Salgado, da "Mais Vasco". Apesar disso, a "Sempre Vasco" vai continuar atuando juntamente à "Mais Vasco" em alguns assuntos jurídicos, como aconteceu ao longo do processo.

As chapas se mostraram unidas nos bastidores em mais de uma pauta no decorrer deste período eleitoral e a ideia é que a ajuda mútua possa continuar existindo, mesmo que com Julio Brant fora do páreo. Há uma ideia de que a briga não é apenas pela cadeira de mandatário, mas pelo que acreditam ser a lisura do sistema como um todo.

Um dos assuntos que fez com que as chapas atuassem juntas foi a inclusão dos sócios anistiados na lista de aptos a votar, além da própria batalha frente à eleição que aconteceu no dia 7, em São Januário, após decisão judicial na noite anterior — a movimentação acabou suspensa pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ).

A guerra entre a "Somamos" e a "Mais Vasco" na Justiça e também nos bastidores continua. As atas das duas eleições foram protocoladas junto à secretaria do Vasco, enquanto a cúpula busca adotar cautela em meio à briga judicial.

Ontem (16), em duas oportunidades, Jorge Salgado se pronunciou sobre o pleito. Primeiramente, agradeceu os apoiadores e ressaltou que vai aguardar a decisão da Justiça, cutucando o rival Leven ao afirmar que não seria "leviano de se auto proclamar presidente". Depois, pediu ao líder da "Somamos" que retirasse os processos e os dois deixassem que "essa decisão ocorra no mais curto espaço de tempo possível, pelo bem do Vasco". Em contrapartida, Leven disse que acha que Salgado está "mal assessorado" e que "o quadro social já respondeu no dia 7/11".

José Cândido Bulhões, advogado da "Mais Vasco", inclusive, também divulgou nota oficial afirmando que Jorge Salgado foi eleito no último sábado, em eleição em que os votos foram "recolhidos em sistema informatizado imune a fraudes, identificados por documentação idônea, apurados com a chancela de duas auditorias e em observância às decisões judiciais".

Segundo o UOL Esporte apurou, há uma expectativa de que as chapas "Mais Vasco" e "Sempre Vasco" tenham uma reunião em breve para que alguns assuntos possam ser alinhados já visando o caso de a Justiça conceder a vitória a Salgado. Não está descartado, inclusive, convites a membros do grupo de Julio Brant para uma futura gestão.

Vasco