PUBLICIDADE
Topo

Botafogo

Botafogo aplica a "mentalidade Ramón", mas ainda comete erros do passado

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

17/11/2020 04h00

Na estreia da nova comissão técnica, o Botafogo teve um bom início de jogo diante do Red Bull Bragantino, mas voltou a cometer erros que vêm assombrando o time no decorrer da temporada e se afundou na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro ao ser derrotado por 2 a 1, na noite de ontem (16). Com a equipe em crise e um trabalho que ainda dá os primeiros passos, o tempo passou a ser mais um adversário e a há a expectativa de uma "mudança de mentalidade" com Ramón Díaz.

O técnico argentino, que se apresentou ao elenco na última semana, se recupera de uma cirurgia e deve desembarcar em General Severiano em breve para começar a trajetória no clube. Enquanto isso, Elimiano Díaz, filho e auxiliar de Ramón, vai dando as ordens.

Emiliano, inclusive, fez elogios ao que foi apresentado pelo Alvinegro na derrota no Engenhão. O time teve mais posse de bola na etapa inicial e construiu boas jogadas, mas voltou a indicar falhas que já vinha cometendo, como a falta de atenção no setor defensivo ao levar o empate logo após abrir o placar, além da falta de criatividade na criação e erros nas decisões nas jogadas ofensivas.

Em meio a essa missão de sair da zona de rebaixamento, a nova comissão tenta se adaptar ao futebol brasileiro e dar a sua cara a um elenco que está no quarto técnico na temporada — antes esteve sob comando de Alberto Valentim, Paulo Autuori e Bruno Lazaroni.

"É questão de trabalho, sabemos que vão melhorar na parte física, semana a semana. A mentalidade Ramón é sempre positiva, o Botafogo está numa situação delicada, temos que estar tranquilos e confiar no Ramón no momento mais difícil dele [passou por uma cirurgia]. Não podemos pensar em muitas coisas, temos que achar soluções rápidas. Fazem poucos dias que estamos aqui, é questão de confiar, estarmos todos juntos, Ramón veio para cá porque acredita que as coisas vão mudar" disse o auxiliar.

A diretoria está no mercado e ainda busca um reforço — só pode fazer mais uma troca da lista de inscritos no Brasileirão. A ideia inicial era a contratação de um atacante que atuasse pelas pontas, mas, após análise de Ramón Díaz, o foco passou a ser um volante.

Botafogo