PUBLICIDADE
Topo

Quem escalar? Veja a nossa seleção para a 21ª rodada

Gabigol será nosso capitão - André Mourão/Foto FC/UOL
Gabigol será nosso capitão Imagem: André Mourão/Foto FC/UOL

Do UOL, em São Paulo

13/11/2020 20h14

Classificação e Jogos

O 21º time em conjunto do CFD com o UOL Esporte está escalado para a temporada de 2020! Neste quadro, temos o objetivo de filtrar as melhores opções para a rodada nos baseando em muitas estatísticas e fundamentos apresentados pelos jogadores.

Como muita gente, começamos mal o segundo turno do Brasileirão, fizemos só 44.1 pontos.

No artigo, vamos explicar o motivo da escolha de cada jogador para o time que escalamos com intuito de passar o máximo de informações sobre os jogadores e sobre as equipes.

Nome do time para acompanhar nas parciais: SELEÇÃO CFD UOL.

Wilson (C$7,20) - Coritiba x Bahia

Tem ótima média de 6.2 pontos como mandante: fez 13 das 20 DDs no Couto Pereira. Em 9 jogos em casa, só não fez DD em 2 e passou dos 12 pontos em 4 oportunidades. Coritiba é o 2º mandante que mais fez DDs entre os times mandantes da rodada.

Mínimo para valorizar: -2.50 pontos

Renê (C$5,20) - Flamengo x Atlético-GO

Soma 18 desarmes em 7 jogos, tendo uma média inferior a uma falta por jogo e só levou um amarelo. Atlético-GO não marcou gols em 4 dos últimos 5 jogos que fez como visitante no Brasileirão.

Mínimo para valorizar: 1.30 pontos

Diogo Barbosa (C$8,57) - Grêmio x Ceará

Média básica de 2.3 pontos, a 4ª maior entre laterais prováveis da rodada. Possui alta relação desarme/falta cometida (3.6). O Ceará passou em branco em 3 dos últimos 5 jogos que disputou em todas as competições: boa chance de SG do Grêmio, que é o time com menos chances de gol cedidas aos adversários.

Mínimo para valorizar: 5.00 pontos

David Braz (C$9,10) - Grêmio x Ceará

Média básica de 1.7 pontos, a 3ª maior entre zagueiros prováveis da rodada. Já desarmou 32 vezes em 15 jogos, portanto tem média boa de 2,1 desarmes por jogo. Nos últimos 8 jogos disputados na temporada, o Grêmio não sofreu gols em 4 deles. Bom percentual de 50%. Além disso, a equipe gremista vive bom momento com 6 vitórias consecutivas.

Mínimo para valorizar: 4.10 pontos

Kanu (C$5,71) - Botafogo x Red Bull Bragantino

Tem uma baixa quantidade de amarelos (1 em 18 jogos) e baixa quantidade de faltas (apenas 12 em 18 jogos). É um zagueiro que costuma ter regularidade. A sua média em casa é de 4.1 pontos.

Mínimo para valorizar: 1.70 pontos

Thiago Galhardo (C$18,21) - Santos x Internacional

Volta de suspensão e enfrenta um Santos com mais de 10 desfalques. Líder em gols (15) e assistências (5) do Brasileirão. Santos sofreu gols em 13 dos últimos 14 jogos da temporada.

Mínimo para valorizar: 0.10 pontos

Raphael Veiga (C$8,16) - Palmeiras x Fluminense

Fez 3 gols nos últimos 5 jogos do Palmeiras no ano. Tem boa média de 5,98 como mandante. Fez 3 dos seus 4 gols no torneio em casa. Fluminense sofreu gols em 16 dos 20 jogos do Brasileiro: 80% das partidas, sendo um alto percentual.

Mínimo para valorizar: 1.30 pontos

Giovanni Augusto (C$10,21) - Coritiba x Bahia

Vive momento incrível na temporada: são 3 gols e 3 assistências nos últimos 5 jogos disputados. Tem precisado de apenas 67 minutos para participar de gol. Esteve envolvido em 7 dos 9 últimos gols que o Coritiba marcou no torneio. Influência grande de 77% nos gols. Boa média de desarme (2.1) e faltas sofridas (2.6).

Mínimo para valorizar: 14.80 pontos

Pepê (C$15,11) - Grêmio x Ceará

Já são 9 participações em gols no Brasileirão. Participa de um gol a cada 133 minutos no torneio, uma boa média. Nos últimos 5 jogos fez 3 gols e precisou de apenas 1.3 chutes para marcar gol no período. Grêmio vem em ótimo momento e ganhou os últimos 6 jogos que disputou em todas as competições: boa chance de Pepê continuar seu bom momento também.

Mínimo para valorizar: 7.70 pontos

Marinho (C$26,16) - Santos x Internacional

Nos últimos 5 jogos que disputou no campeonato, foram 5 gols e 1 assistência. Nesse período, precisou de 72 minutos para participar de um gol e apenas 2.6 chutes para marcar, duas marcas excelentes. Internacional vem de 7 jogos sofrendo gols por todas as competições: foram 10 gols sofridos neste período.

Mínimo para valorizar: 16.00 pontos

Gabigol (C$11,94) - Flamengo x Atlético-GO

Voltou bem ao time titular do Flamengo ao marcar 1 gol no meio de semana e ainda desperdiçou boas oportunidades no jogo. Tem incríveis 27 finalizações em 10 jogos disputados, ou seja, alta média de 2.7 chutes por partida. Atlético-GO vem de 6 jogos sem vencer na temporada e sofreu gols em todos estes duelos: foram 10 gols neste período.

Mínimo para valorizar: 1.40 pontos

Enderson Moreira (C$6,01) - Goiás x Athletico

Escolhemos Enderson Moreira como nosso técnico pelo seu bom preço e possibilidade de vitória do Goiás depois de rodadas sem vencer. Athletico tem média muito ruim de gols marcados (0,8 por jogo) e, com isso, detém a menor média de gols feitos no Brasileirão. O ataque é pouco eficiente e enfrenta um Tadeu inspirado nos últimos duelos. Por isso confiamos em uma vitória para recuperar a moral do time esmeraldino.

Mínimo para valorizar: 2.40 pontos.

Preço do time: C$131.58
Pontuação total: 1.280.49