PUBLICIDADE
Topo

Fluminense

Preparado, Lucca entende poucas chances: 'Difícil mexer quando está bem'

À disposição de Odair Hellmann, Lucca vê bom momento do Fluminense como explicação para poucas chances  - Lucas Merçon/Fluminense FC
À disposição de Odair Hellmann, Lucca vê bom momento do Fluminense como explicação para poucas chances Imagem: Lucas Merçon/Fluminense FC

Caio Blois

Do UOL, no Rio de Janeiro

12/11/2020 13h34

Último reforço do Fluminense, Lucca jogou pouco mais de 20 minutos desde que chegou. O atacante está no clube desde o início de outubro, mas entendeu que o ótimo momento vivido pela equipe no Campeonato Brasileiro reduziu suas chances.

"Estou à disposição. A gente tem que respeitar, o time vinha de resultado positivos, precisávamos respeitar o momento. É difícil mexer quando o time está bem. O treinador ter tantos resultados positivos e mexer no time, não faz bem para o grupo. Tem que ter sequência de escalações, repetir o time. Eu estou trabalhando para que quando a oportunidade surgir, corresponder", declarou.

Questionado sobre um episódio de 2017, quando supostamente teria se recusado a jogar no Tricolor, o camisa 7 negou que houvesse proposta oficial à época, e quer mostrar ao torcedor que pode ajudar o Flu.

"Estou me preparando para dar essa resposta positiva para a torcida. Eu não estou sempre acompanhando as redes sociais, mas rolou de torcedor, dizendo que recusei o Fluminense no passado. Recusa é quando tem proposta oficial, o que não aconteceu. Entendo o torcedor, mas isso não aconteceu, foi especulação. O torcedor acredita na informação que recebe, na internet. Não aconteceu proposta alguma, isso é inverídico. Procuro trabalhar para quando tiver oportunidade de começar uma partida e estar em campo, corresponder. O pensamento precisa ser esse", disse.

Contratado para repor a saída de Evanílson, Lucca está mais acostumado a atuar pelas pontas, mas garantiu que ajudará o Tricolor atuando centralizado.

"É uma questão de readaptação. Eu vinha jogando numa posição um pouco diferente do que eu venho jogando hoje. Joguei quase 2 anos por dentro, mas a minha carreira foi sempre jogando pelos lados. Não tenho muita preferencia. Quero ajudar. Hoje eu me sinto bem fisicamente. Eu precisava de um tempo de readaptação porque lá o ritmo é totalmente diferente".

Confira a íntegra da coletiva de Lucca:

Fluminense